[Vídeo] Veja o colapso do segundo maior Radiotelescópio do mundo
Créditos: Reprodução/The Drive

[Vídeo] Veja o colapso do segundo maior Radiotelescópio do mundo

Imagens foram gravadas por drone no local da ocorrência em Porto Rico

Um drone conseguiu captar o momento em que o segundo maior Radiotelescópio do mundo desabou nesta última terça-feira (1º) em Porto Rico, no Observatório de Arecibo. As imagens foram divulgadas pela Fundação Nacional de Ciências dos Estados Unidos, e é possível observar os cabos da estrutura se rompendo e derrubando a plataforma de mais de 900 toneladas onde o radiotelescópio estava. O órgão também liberou outra filmagem feita do chão na hora do acontecimento.

Confira abaixo o vídeo feito pelo drone:

De acordo com a apuração do G1, o radiotelescópio suportou furacões, umidade tropical e vários terremotos recentes. A estrutura foi construída na década de 1960 e operou por 57 anos, mas entrou acabou entrando em colapso por conta de problemas anteriores. Em agosto, um cabo auxiliar rompeu e, em novembro, foi a vez de um dos cabos principais sofrer com a obsolência. Ele também sofreu danos por conta do furacão Maria em 2017.

Com o desabamento,  a estrutura caiu sobre o prato do refletor, aproximadamente 120 metros abaixo - a queda gerou um grande estrondo. Após o desabamento, as autoridades científicas dos Estados Unidos decretaram o fechamento do observatório. Cientistas relataram uma sensação de perda após o incidente, já que o local era referência de pesquisa e visitas acadêmicas. 

O Observatório de Arecibo atraía cerca de 90 mil visitantes por ano, contando também com a visita de alunos de pós-graduação para estudarem e treinarem na estrutura do local. Cerca de 250 cientistas em todo o mundo estavam usando o observatório, segundo o G1

Uma investigação sobre as causas exatas do colapso está em andamento, assim como avaliações da extensão dos danos que a plataforma do Radiotelescópio em queda e os cabos rompidos causaram e quaisquer impactos no ambiente próximo. Em novembro, a National Science Foundation (NSF) já havia anunciado seus planos para desativar o Radiotelescópio de Arecibo, depois que rupturas de cabos anteriores o deixaram inseguro para operar ou mesmo consertar. 

Fonte: G1, The Drive
User img

Mariela Cancelier

Mariela é jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina e gosta de jogos de luta e MOBAs. Foi estagiária do Adrenaline e Mundo Conectado e atualmente é redatora freelancer em ambos os sites.

POCO M3: ANÁLISE COMPLETA do BARATINHO da XIAOMI que surpreende

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.