Apple e Google se juntam a grupo para o desenvolvimento da rede 6G
Créditos: Divulgação Next G Alliance

Apple e Google se juntam a grupo para o desenvolvimento da rede 6G

Novos celulares das empresas recém ganharam suporte ao 5G e agora as empresas estão se preparando para a próxima geração de internet móvel

O 5G está começando a se consolidar atualmente como padrão para a indústria de smartphones, mas as fabricantes já estão focados no próximo nível para as redes móveis de internet. Um grupo de empresas já vem estudando o desenvolvimento da rede 6G e agora ganharam mais dois reforços, a Google e Apple se juntaram ao 'Next G Alliance' visando a realização do futuro da internet móvel. 

Agora as duas empresas se juntam ao grupo de empresas que já conta com outras gigantes, como a Samsung, Microsoft e Facebook entre outras. A próxima geração de rede está sendo trabalhada em diferentes partes do mundo, espera-se que a rede possa ser de 100 a 500 vezes mais rápida que o 5G.

Apesar de apenas os mais novos dispositivos da Google e Apple terem chegado recentemente com suporte a 5G, a entrada das empresas no grupo do 6G pode significar uma maior agilidade das empresas em implementar o novo sistema nos seus futuros modelos. 

Como reportado pelo PhoneArena, o grupo 'Next G Alliance' é liderado pela associação comercial norte-americana Alliance for Telecommunications Industry Solutions (ATIS) . O grupo fará sua primeira reunião semana que vem e busca “promover a liderança em tecnologia móvel da América do Norte em 6G e além na próxima década”

09/11/2020 às 07:25
Notícia

China lança seu primeiro satélite 6G para iniciar testes dest...

O satélite, chamado "UESTC" ou Star Era-12, foi levado ao espaço pelo foguete Long March 6

Isso não significa que muito em breve teremos Google Pixel ou iPhones com suporte a 6G, mas que durante a próxima década os avanços nessa tecnologia serão consideráveis e, quando ela estiver pronta, as empresas estarão preparadas para implementar o novo sistema em seus dispositivos.

Mas os estudos para a rede 6G já estão a todo vapor. Embora espera-se que apenas na próxima década a nova rede entre em vigor, a China enviou recentemente um satélite ao espaço para começar os testes dos sinais 6G.

Continua após a publicidade

O grupo Next G Alliance espera que os Estados Unidos sejam o pioneiro na tecnologia. 

“Enquanto o mundo está explorando oportunidades que iluminarão o caminho para o 6G, os Estados Unidos devem tomar medidas oportunas e críticas para garantir a liderança inquestionável em inovação e desenvolvimento 6G.”

- Afirma a CEO da ATIS, Susan Miller.

02/03/2018 às 08:45
Vídeo

Qualcomm e Asus falam do futuro do 5G e da IA em nossos smart...

Executivos falam da visão para o futuro dos dispositivos ultraconectados

Mas para o funcionamento de uma rede 6G mundial integrada uma preocupação ainda fica no ar: As tensões políticas entre EUA e China. Caso os problemas entre as nações não sejam resolvidas pela nova administração Biden, isso pode levar a uma ruptura entre os padrões de 6G

Assim celulares feitos para os EUA não funcionariam com a rede 6G chinesa e vice-versa. Isso acabaria desacelerando as comunicações globais, por isso é fundamental para a nova rede que os dois países encontrem uma maneira de trabalharem juntos.

Via: CNET, Gizmochina Fonte: PhoneArena
User img

Willian Vieira

Willian Ferreira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina em 2019 e começou a estudar Sistemas na Estácio. Desde criança é um aficionado por games, essa paixão acabou despertando o interesse na área de tecnologia. Joga de tudo um pouco, mas tem uma preferencia para jogos de ação, FPS e Fable.

Semana BLACK FRIDAY: 7 DICAS para COMPRAR MUITO BARATO na INTERNET!

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.