Alexa está recebendo uma IA que prevê os pedidos dos usuários
Créditos: Foto por Nicolas J Leclercq no Unsplash

Alexa está recebendo uma IA que prevê os pedidos dos usuários

Inteligência artificial usa as interações anteriores do usuário com a Alexa para saber se pode querer alguma informação

Recentemente a Amazon lançou um novo recurso focado para motoristas para a Alexa, agora a empresa está se preparando para melhorar ainda mais a experiência com a sua assistente pessoal. A empresa anunciou detalhes do novo ‘Alexa Skills’, que pretende prever quais informações ou comando o usuário vai precisar.

02/10/2020 às 18:49
Notícia

Amazon apresentou o novo recurso da Alexa para motoristas

Empresa mostrou nova função do app que deve disputar com o Android Auto

Essa nova interação da Alexa está sendo implementada através de uma IA que usará aprendizado de máquina. A empresa deu um exemplo sobre o funcionamento desse novo recurso.

Agora, segundo a Amazon, se o usuário pedir para saber o tempo para fazer um chá, a assistente responderá falando o tempo necessário para fazer um chá e já questionando o usuário se ele deseja definir um cronômetro com esse tempo.

A empresa espera que com a Alexa prevendo os objetivos latentes dos clientes - objetivos que estão explícitos, mas não foram solicitados - torne a interação entre humano e máquina mais natural.

Conheça os modelos de dispositivos Echos com Alexa

Embora o processo seja simples para os usuários, a Amazon afirma que os algoritmos utilizados no processo são bastante sofisticados. O recurso utiliza um modelo de gatilhos baseado em deep learning, ele recebe vários detalhes sobre o contexto da conversa, incluindo o texto da sessão atual com a Alexa e se o usuário já interagiu anteriormente com a nova sugestões de múltiplas habilidades da assistente pessoal no passado.

Continua após a publicidade

Caso o contexto adequado seja encontrado, o sistema irá sugerir uma habilidade para atender o objetivo latente do usuário. Assim, ainda utilizando o contexto do chá, o modelo aprenderá que sempre que o usuário pergunte o tempo para realizar um chá, ele em seguida pede a assistente para definir um cronômetro.

A melhoria do novo recurso continuará através das conversas com o usuário. ‘Alexa Skills’ ficará aprendendo durante essas interações para melhorar o seu mapeamento de pistas contextuais para objetivos latentes.

Para não ficar dando recomendações inúteis, e também não ficar sendo chata, a Alexa terá uma técnica conhecida como bandit learning, um modelo de aprendizado de máquina que determinará se as recomendações são úteis ou não, descartando as menos precisas.

O ‘Alexa Skills’ está atualmente disponível apenas em inglês para usuários nos Estados Unidos, inclusive já podendo ser implementado por desenvolvedores dessa região.

Via: Neo Win Fonte: Amazon
User img

Willian Vieira

Willian Ferreira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina em 2019 e começou a estudar Sistemas na Estácio. Desde criança é um aficionado por games, essa paixão acabou despertando o interesse na área de tecnologia. Joga de tudo um pouco, mas tem uma preferencia para jogos de ação, FPS e Fable.

Semana BLACK FRIDAY: 7 DICAS para COMPRAR MUITO BARATO na INTERNET!

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.