Apple finalmente revela seu SoC M1 personalizado para computadores Mac
Créditos: Reprodução/9to5Mac

Apple finalmente revela seu SoC M1 personalizado para computadores Mac

Chip de 5nm baseado em ARM promete 2x mais desempenho que geração anterior.

A Apple apresentou oficialmente seu novo SoC M1 baseado em arquitetura ARM para notebooks da empresa. O novo processador customizado da Gigante da maçã vai chegar na próxima linha de produtos Mac e promete muita inovação em termos de desempenho e eficiência. Segundo a empresa, o M1 deverá ter uma performance 2x melhor do que a geração anterior.

Durante a apresentação do novo processador, a Apple afirmou que o M1 possui uma CPU de 8 núcleos e uma GPU de 8 núcleos. Dos 8 núcleos da CPU, quatro são de alto desempenho - os mais rápidos do mundo, com um total de 16 bilhões de transistores. A empresa mencionou que o foco principal é a eficiência e, por conta disso, seu SoC usa uma "Arquitetura de Memória Unificada". Isso significa que a RAM, CPU e GPU são compartilhadas, permitindo a redução do consumo de energia. 


10/11/2020 às 09:17
Notícia

Brasil registra os iPhone 12 mais caros do mundo e surpreende...

Valor dos celulares por aqui é bem maior que os outros países do ranking

O M1 possui o Apple Neural Engine para Mac, tecnologia que acelera bastante as tarefas de aprendizado de máquina (ML). Com sua arquitetura de 16 núcleos mais avançada, ele é capaz de 11 trilhões de operações por segundo. O Neural Engine em M1 permite um desempenho de aprendizado de máquina até 15x mais rápido.

Com o novo chip, a Apple promete revolucionar o aprendizado de máquina tarefas como análise de vídeo, reconhecimento de voz e processamento de imagem. O SoC também traz suporte para Thunderbolt através do protocolo USB 4 e uma melhor vida útil da bateria, já que o notebook deverá consumir menos energia que um computador portátil "tradicional" para executar a mesma tarefa.


Continua após a publicidade

Como mencionado anteriormente, a GPU de 8 núcleos do M1 também é poderosa. Embora o processador não use todos os núcleos o tempo todo, ele pode executá-los simultaneamente quando necessário. Durante a apresentação, a Apple disse que ele pode oferecer o dobro de desempenho em comparação com um laptop, consumindo um terço da energia

Fonte: 9to5Mac
User img

Mariela Cancelier

Mariela é jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina e gosta de jogos de luta e MOBAs. Foi estagiária do Adrenaline e Mundo Conectado e atualmente é redatora freelancer em ambos os sites.

BLACK FRIDAY: DICAS para COMPRAR uma SMART TV!

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.