PayPal vai começar a permitir vendas, compras e manutenção de criptomoedas
Créditos: Reprodução/ Cointimes

PayPal vai começar a permitir vendas, compras e manutenção de criptomoedas

Plataforma vai iniciar os primeiros testes nos Estados Unidos nas próximas semanas

Leitura Rápida

  • A PayPal acaba de confirmar que irá começar a fazer os primeiros testes com criptomoeda nas próximas semanas
  • Os primeiros a usarem o sistema serão os clientes dos Estados Unidos
  • No lançamento, será possível guardar, vender e comprar moedas
  • Estarão disponíveis as principais moedas digitais do momento: Bitcoin, Ethereum, Bitcoin Cash e Litecoin
  • A empresa promete enviar conteúdo educacional e expandir o serviço no próximo ano
  • Até o final de 2021 novos mercados devem ser atendidos
  • Até o final de 2020 as transações com criptomoedas não terão custos

A PayPal acaba de confirmar que está expandindo os seus negócios para criptomoedas. Isso significa que, em breve, os seus clientes vão poder fazer transações e movimentar as suas moedas digitais como bem entenderem. Será possível comprar, vender, guardar, além de manter para fundos em compras em lojas que aceitarem a moeda. 

Comunicado oficial

Segundo a empresa, esse é um movimento para atender a crescente demanda de consumidores e bancos em moedas virtuais. Segundo dados divulgados pela Bank for International Settlements, citados pela própria PayPal, um em cada dez bancos centrais planeja lançar sua própria moeda digital nos próximos três anos. 

Os primeiros testes reais vão começar a ser feitos nas próximas semanas, entre clientes dos Estados Unidos. No momento do lançamento será possível gerenciar as moedas digitais mais populares atualmente, sendo elas: Bitcoin, Ethereum, Bitcoin Cash e Litecoin. No início será possível fazer os gerenciamentos básicos. 

Segundo o comunicado da PayPal, a capacidade de seu serviço Venmo será expandida a partir do primeiro semestre de 2021. Os pagamentos também vão começar a ser testados apenas neste período. Há ainda a promessa de que mais mercados sejam atendidos até o final do próximo ano.

Continua após a publicidade

30/09/2019 às 22:42
Notícia

PayPal compra GoPay e se torna primeira plataforma estrangeir...

Banco Central da China aprovou negócio e PayPal chega para concorrer com Alipay e WeChat Pay

A empresa informa que, até o final de 2020, não haverá nenhum custo extra para fazer compras e vendas das criptomoedas suportadas. Apesar disso, a empresa não cita como serão as taxas no futuro. Manter as moedas digitais na "carteira" da PayPal também não acarretará nenhum valor extra.

Além de suportar o serviço, o PayPal fornecerá aos usuários conteúdo educacional. Isso vai ajudar os seus clientes entender como essa nova forma de pagamento funciona, bem como saber quais são os possíveis riscos do investimento nesta área. O objetivo é tornar um ambiente seguro.

Os clientes da PayPal dos Estados Unidos já podem se cadastrar em uma lista, caso estejam interessados em aderir ao serviço. É possível que nos próximos anos essa novidade esteja presente em praticamente todos os países. 

Via: Neowin Fonte: PayPal
User img

Ana Luiza Pedroso

Ana Luíza é técnica em informática formada pelo Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) e graduanda de Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Compõe o quadro de estagiários do Adrenaline e Mundo Conectado desde 2018, publicando notícias. Aprende muito todos os dias sobre o universo de hardware, games e tecnologia.

Semana BLACK FRIDAY: 7 DICAS para COMPRAR MUITO BARATO na INTERNET!

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.