Créditos: Divulgação/Nvidia

OFICIAL: Nvidia compra ARM por US$ 40 bilhões e irá liderar no setor mobile

Tecnologia de IA da Nvidia vai potencializar a tecnologia móvel já existente da ARM

A Nvidia acaba de anunciar oficialmente seu acordo de compra da empresa de semicondutores ARM por US$ 40 bilhões. Com a adquirição da ARM, a fabricante conhecida especialmente por seus chips gráficos vai aumentar ainda mais sua presença no setor de computação móvel, especialmente quando se trata de trazer sua tecnologia de IA (inteligência artificial) para plataformas do setor como smartphones, PCs e carros autônomos. Ainda no começo deste domingo, o Mundo Conectado publicou uma notícia de que a Nvidia deveria finalizar a aquisição da ARM pelo mesmo preço oficializado.

Nvidia chega ao setor mobile com força, à frente de empresas como Intel, Qualcomm e AMD

A combinação entra as duas empresas reúne a plataforma de computação IA líder da NVIDIA com o vasto ecossistema da ARM para criar a principal empresa de computação para a era da inteligência artificial. A estratégia das fabricantes promete "acelerar a inovação enquanto se expande para mercados grandes e de alto crescimento". A SoftBank permanecerá comprometida com o sucesso de longo prazo da ARM por meio de sua participação na NVIDIA, estimada em menos de 10 por cento.

Com a compra da ARM, a Nvidia volta a ter poder para competir no topo do mercado mobile e conectado, algo que a empresa havia tentado antes com os chips Tegra. Com a enorme força no mercado de chips/CPUs, a Nvidia se colocara à frente das demais empresas como Intel, AMD e Qualcomm no quesito de CPUs móveis.

Snapdragon agora será baseado em tecnologia da Nvidia

O primeiro impacto que surge ao pensar na recente compra da ARM é que agora o Snapdragon é um produto baseado na tecnologia da Nvidia. Para ironia do mercado, a GPU Adreno do chip mobile era a antiga Radeon Mobile, que a AMD não acreditou na época. Com o investimento da Nvidia, a diferença entre as duas eternas concorrentes de mercado (Nvidia x AMD) aumenta ainda mais, ganhando espaço no setor mobile. 

A ARM também vai se beneficiar com a junção de forças, obtendo ainda mais suporte para os setores de P&D (Pesquisa e Desenvolvimento), bem como acesso a todo o pacote de produtos da Nvidia. A Nvidia ainda declarou que vai construir um supercomputador de IA equipado com CPUs ARM na sede da empresam, na cidade de Cambridge, Inglaterra.

Continua após a publicidade

Detalhes da transação

No comunicado oficial, ambas as empresas destacaram que a ARM ainda manterá seu modelo de licenciamento aberto e neutralidade com os clientes existentes. A transação foi aprovada pelos conselhos de administração da Nvidia, SBG e ARM. Os detalhes mostram que a Nvidia pagará à SoftBank um total de US$ 21,5 bilhões em ações ordinárias da Nvidia e US$ 12 bilhões em dinheiro, que inclui US$ 2 bilhões no momento da assinatura.

A transação proposta está sujeita às condições habituais de fechamento, incluindo o recebimento de aprovações regulatórias para o Reino Unido, China, União Europeia e Estados Unidos. A conclusão da transação está prevista para ocorrer em aproximadamente 18 meses.

Via: Adrenaline Fonte: Nvidia News
User img

Mariela Cancelier

Mariela é jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina e gosta de jogos de luta e MOBAs. Foi estagiária do Adrenaline e Mundo Conectado e atualmente é redatora freelancer em ambos os sites.

BLACK FRIDAY: DICAS para COMPRAR uma SMART TV!

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.