Nasdaq cai 10% em 3 pregões e ações da Tesla desabam
Créditos: Qilai Shen/Bloomberg

Nasdaq cai 10% em 3 pregões e ações da Tesla desabam

Ações de tecnologia vêm sendo questionadas por investidores em meio às tensões comerciais

Leitura Rápida

  • Mercado acionário sofre queda nos últimos pregões com a realização de lucros
  • Ações da Tesla, Inc. se destacam negativamente
  • Intensificação da guerra comercial entre EUA e China tem papel importante

O índice de ações Nasdaq apresentou queda acumulada de mais de 10% nos últimos 3 pregões. Desde a última quinta-feira, as ações americanas caem puxadas principalmente pelo setor de tecnologia.

O destaque fica para as ações da Tesla. A empresa de Elon Musk sofreu desvalorização de mais de 20% após o feriado de 7 de setembro, quando se comemora o Dia do Trabalho nos Estados Unidos. O tombo vem dias após a montadora atingir níveis recordes e ultrapassar o Walmart em valor de mercado.

Dentre os motivos que levaram à queda, a declaração de Trump de que “Perdemos bilhões de dólares e se não fizéssemos negócios com eles não perderíamos” ao se referir à China parece ser o fator primário.

O temor de que o atual mandatário dos EUA intensifique o uso da guerra comercial como instrumento de campanha leva os investidores a opções mais seguras que o mercado acionário.

(Desempenho das ações Tesla dia 8 de setembro - Créditos: Nasdaq)

Entretanto, outras condições já existentes também têm sua relevância. A precificação exagerada das empresas de tecnologia é uma hipótese levantada há algum tempo, e a cada momento de aversão ao risco essa ideia ganha força.

Continua após a publicidade

Por fim, a realização de lucros após a escalada que sucedeu a grande quebra durante a pandemia é outro aspecto a ser levado em conta.

Durante a crise do coronavírus, o FED injetou quantidades massivas de dinheiro na economia. Parcela desse montante foi alocado no mercado acionário, elevando os preços e permitindo que os investidores obtenham seus lucros nestes últimos dias.

(Créditos: Jeenah Moon, Bloomberg)

Confira algumas das variações diárias (08/09/2020) de empresas do setor de tecnologia:

  • Tesla: -21,04%
  • AMD: -4,05%
  • NVIDIA: -5,62%
  • Microsoft Corporation: -5,41%
  • Amazon.com: -4,39%
  • Apple: -6,73%

A guerra comercial entre EUA e China tem como seu principal campo de batalha o setor tecnológico. As notícias recentes têm indicado maior intensidade na disputa, como é possível perceber pela não renovação da licença temporária da Huawei para atuar nos Estados Unidos.

E a montadora do excêntrico Elon Musk tem passado por dias agitados. Além da queda nada sutil no valor de mercado, a empresa foi alvo de uma tentativa de invasão cibernética por parte de um hacker russo recentemente.

Via: Veja Fonte: Financial Times
User img

Odir Brüggmann Filho

Conheça o Luna! O novo serviço de STREAMING de JOGOS da Amazon

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.