Apple aprova acidentalmente Malware disfarçado de Adobe Flash Installer
Créditos: Reprodução/ WCCFTech

Apple aprova acidentalmente Malware disfarçado de Adobe Flash Installer

O software malicioso foi instalado em diversos Macs e gerava clicks em anúncios

Leitura Rápida

  • Um Malware passou pelo sistema de segurança da Apple acidentalmente
  • Ele foi instalado como Adobe Flash em Macs
  • Um pesquisador de segurança encontrou o software malicioso e reportou para a empresa
  • A Apple já identificou e bloqueou a conta de desenvolvedor dos responsáveis pelo malware

A Apple se orgulha muito do sistema de segurança que aplica em seus sistemas operacionais. Apesar de serem muito seguros, eles não estão livres de falhas. Recentemente, Peter Dantini, um pesquisador de segurança, encontrou um malware que estava sob o nome Adobe Flash Installer e estava "passando" pelos crivos implementados pela empresa. Ele estava presente em uma série de MacBooks e foi aprovado acidentalmente. 

Malwares são os nomes dados para softwares maliciosos, que são instalados sem que o usuário perceba. Seu principal objetivo é obter dados para tirar vantagem do dono do computador. Os danos podem ser desde financeiros, até obtenção de arquivos armazenados nas máquinas, ou geração de clicks em anúncios. Eles geralmente adotam um nome de softwares confiáveis, como o Adobe Flash Installer, encontrado nos Macs.

01/09/2020 às 17:16
Notícia

Iphone 11 é o celular mais vendido da 1ª metade de 2020, apon...

Samsung Galaxy A51 e Xiaomi Redmi Note 8 completariam o top 3 da lista

A Apple investe muitos recursos para evitar que seus usuários sofram com hackers. Em 2019 a empresa anunciou a plataforma Notarization, que está instalada em Macs. O seu principal objetivo é agir como um "antivírus", detectando os sistemas que são seguros, ou não, para serem instalados no computador. 

O malware Adobe Flash Installer, encontrado por Peter Dantini, agia como um interceptador de tráfego criptografado da web. Isso significa que ele substitui as páginas da web e os resultados por seus próprios anúncios. O objetivo é gerar dinheiro fraudulento, feito pelos clicks em anúncios.

Esse foi um erro da própria Apple. Isso porque a empresa registrou o código, de forma acidental. Segundo os pesquisadores de segurança, não foi verificado o software de forma apropriada e ele acabou se infiltrando, sendo aprovado para rodar em um milhões de Macs, em todo o mundo.

Continua após a publicidade

A Apple tem um sistema de recompensas, que premia os desenvolvedores que encontram falhas na segurança de seus sistemas. Como mencionado logo no início, a empresa tem grande preocupação com os softwares instalados em seus dispositivos. Apesar disso, como qualquer outro sistema, ele pode apresentar falhas. 

Via: WCCFTech
User img

Ana Luiza Pedroso

Ana Luíza é técnica em informática formada pelo Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) e graduanda de Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Compõe o quadro de estagiários do Adrenaline e Mundo Conectado desde 2018, publicando notícias. Aprende muito todos os dias sobre o universo de hardware, games e tecnologia.

Semana BLACK FRIDAY: 7 DICAS para COMPRAR MUITO BARATO na INTERNET!

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.