Apple remove Fortnite da App Store
Créditos: Reprodução/9to5Mac

Apple remove Fortnite da App Store

Epic Games agora está processando a empresa alegando comportamento anticompetitivo e monopólio

Na manhã de quinta-feira, a Epic Games anunciou uma nova solução de pagamentos diretos no jogo Fortnite para dispositivos com iOS e Android, oferecendo assim o mesmo sistema de pagamentos que usa para PC e Mac. A mudança foi considerada pela Apple uma violação direta das políticas da App Store, que são bem rigorosas.

22/06/2020 às 12:10
Notícia

Veja quais são os 10 games mais lucrativos do iOS em 2020

Fortnite lidera a lista, arrecadando US$ 2,7 milhões diariamente

Por causa da implementação desta solução de pagamentos diretos, a Apple decidiu remover o jogo da App Store. O comunicado da Apple enviado ao site The Verge na quinta-feira pode ser visto abaixo:

"Hoje, a Epic Games tomou a infeliz decisão de violar as diretrizes da App Store que são aplicadas igualmente a todos os desenvolvedores e projetadas para manter a loja segura para nossos usuários. Como resultado, seu aplicativo Fortnite foi removido da loja. A Epic habilitou um recurso em seu aplicativo que não foi revisado ou aprovado pela Apple, e o fez com a intenção expressa de violar as diretrizes da App Store sobre pagamentos no aplicativo que se aplicam a todos os desenvolvedores que vendem bens ou serviços digitais.

A Epic tem aplicativos na App Store há uma década e se beneficiou do ecossistema da App Store - incluindo suas ferramentas, testes e distribuição que a Apple fornece a todos os desenvolvedores. A Epic concordou com os termos e diretrizes da App Store livremente e estamos felizes que eles construíram um negócio tão bem sucedido na App Store. O fato de que seus interesses comerciais agora os levam a pressionar por um acordo especial não muda o fato de que essas diretrizes criam um campo de igualdade para todos os desenvolvedores e tornam a loja segura para todos os usuários. Faremos todos os esforços para trabalhar com a Epic para resolver essas violações para que possam devolver Fortnite à App Store".

De acordo com as regras da Apple, todos os pagamentos precisam ser processados pela empresa. Dessa forma ela fica com 30% de cada transação que passe por seus serviços. Ao longo dos anos, essa política fez com que empresas como Microsoft, Amazon e outras oferecessem apenas aplicativos "leitores" que servem conteúdo, mas esse conteúdo precisa ser comprado na web. Além disso, os fornecedores de aplicativos não podem realmente dizer que você pode comprar o conteúdo em outro lugar.

Essa política também fez com que os fornecedores aumentassem seus preços ao vender seus produtos no iOS. Se você tentasse fazer uma compra em Fortnite depois que o sistema de pagamentos diretos foi introduzido, você veria uma opção para o novo sistema de pagamento, e uma opção marcada para o sistema de pagamento iOS, apenas no caso de você querer pagar mais.

O CEO da Epic Games, Tim Sweeney, sempre criticou as políticas da App Store no passado e com a remoção de Fortnite da loja a situação deve se agravar ainda mais. A Epic Games já confirmou que está processando a Apple em resposta à remoção do jogo. Em seu processo a Epic Games acusa a Apple de comportamento anticompetitivo e monopólio:

Continua após a publicidade

A Epic Games também publicou no YouTube um vídeo parodiando o famoso comercial “1984” da Apple com a hashtag #FreeFortnite. O comercial original foi dirigido na época por Ridley Scott e veiculado como uma forma de crítica ao monopólio da IBM no mercado de PCs. O vídeo com a paródia e o comercial original podem ser vistos abaixo:

Vale destacar que a Google também removeu o jogo Fortnite da Play Store por causa da introdução do sistema de pagamento diretos. Em resposta, a Epic Games abriu um processo contra a Google acusando a empresa de “práticas monopolistas”.

Fonte: Neowin.net, Engadget
User img

Fabio Rosolen

Semana BLACK FRIDAY: 7 DICAS para COMPRAR MUITO BARATO na INTERNET!

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.