Incrível drone para passageiros da EHang será testado no Canadá
Créditos: Divulgação/EHang

Incrível drone para passageiros da EHang será testado no Canadá

Nova fábrica da empresa terá meta de construir 600 unidades por ano do drone

O drone EHang AAV 216 que pode carregar passageiros da empresa chinesa EHang começará a ser testado no Quebec, Canadá, para se tornar um veículo comercial no futuro. A Transport Canada, órgão regulador federal do país, emitiu permissão na forma de um Certificado Especial de Operações de Voo. O fundador e CEO da empresa, Huazhi Hu, disse que o drone recebeu autorização de autoridades da aviação em diferentes países, incluindo a Administração Federal de Aviação dos EUA, a  Autoridade de Aviação Civil da Noruega e a Administração de Aviação Civil da China.

Página oficial EHang

Recentemente, a EHang realizou alguns voos sancionados com turistas na China. Uma vez que esses veículos sejam totalmente aprovados (ainda não se sabe quando), um usuário chamaria um drone da EHang usando um aplicativo, muito parecido com os serviços de carona existentes como Uber e Cabify. O drone aterrissaria no local predeterminado mais próximo ao usuário.

Até dois passageiros, pesando no máximo 220 kg no total, poderia entrar no drone. O EHang 216 AAV pode viajar até 35 quilômetros com uma única carga, de acordo com a empresa. A EHang também diz que o AAV 216 não é apenas para pessoas. O drone também poderá levar cargas, já que a aeronave é capaz de transportar 220 kg de mercadorias e encomendas de maneira rápida. "Essa conquista é uma base importante para futuras operações de mobilidade urbana (UAM) no Canadá", declarou a empresa.

Além do anúncio do início dos testes no Canadá, a EHang também revelou que irá construir uma nova fábrica na província de Guangdong, no sul da China. A capacidade inicial planejada da nova fábrica é de 600 unidades do EHang AAV 216 por ano. A instalação custará US$ 6 milhões, com o governo local cobrindo parte desse valor.

“A instalação da EHang Yunfu deve ser estabelecida como um centro de produção de AAV líder do setor, incluindo uma instalação de P&D para soluções de mobilidade aérea e um centro de treinamento para operações e talentos técnicos”, disse a EHang em comunicado de imprensa. "As crescentes demandas do mercado e a comercialização de AAVs na China estão nos levando a expandir nossa produção e atualizar nossas capacidades de fabricação", concluiu o CEO da empresa, Huazhi Hu.

Via: Drone DJ
User img

Mariela Cancelier

Mariela é jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina e gosta de jogos de luta e MOBAs. Foi estagiária do Adrenaline e Mundo Conectado e atualmente é redatora freelancer em ambos os sites.

40 ATALHOS do WINDOWS 10 para você virar um EXPERT no SISTEMA OPERACIONAL

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.