Google investirá US$ 10 bilhões na Índia nos próximos anos
Créditos: Reprodução/Android Authority

Google investirá US$ 10 bilhões na Índia nos próximos anos

Anúncio foi feito na nova edição do evento anual Google for India

Sundar Pichai, CEO da Google, anunciou nesta segunda-feira (13) que a empresa pretende investir até US$ 10 bilhões na Índia durante os próximos cinco a sete anos. O anúncio foi feito como parte do evento anual Google for India, onde a empresa faz anúncios específicos para este mercado.

01/07/2020 às 14:37
Notícia

Google compra a North, responsável pelos óculos de realidade ...

Os termos financeiros da aquisição não foram divulgados

O destaque na edição deste ano do evento é o lançamento do Google for India Digitalization Fund, que distribuirá os US$ 10 bilhões em investimentos nos próximos anos. Pichai disse que o fundo disponibilizará dinheiro para investimento em empresas de tecnologia locais, parcerias e gastos com infraestrutura.

Os investimentos serão focados em quatro grandes categorias, incluindo serviços de idiomas (a Índia tem 22 idiomas locais oficialmente reconhecidos, bem como o inglês), ajudando as empresas indianas a adotar a digitalização e a adaptar produtos para atender às necessidades específicas da Índia. A quarta envolve o uso da inteligência artificial (IA) para o "bem social" em áreas como "saúde, educação e agricultura".

Google investirá US$ 10 bilhões na Índia nos próximos anos
Sundar Pichai, CEO da Google
(Reprodução/Getty Images)

O Google for India é um evento realizado no país anualmente desde 2015, onde a empresa frequentemente anuncia iniciativas voltadas para a região. No ano passado, a Google anunciou que lançaria um novo laboratório de IA em Bengaluru e anunciou o lançamento da plataforma de pagamentos via celular. A empresa também lançou Wi-Fi público gratuito em mais de 400 estações de trem (um programa que já foi descontinuado) e adicionou suporte para mais idiomas locais aos seus produtos de voz e pesquisa.

Muitas empresas de tecnologia ocidentais já investem no mercado indiano. O Facebook investiu quase US$ 6 bilhões para comprar uma participação na Jio, que possui a maior rede de telefonia móvel da Índia, a Apple deve abrir sua primeira loja em 2021 e a Samsung já oferece suporte técnico digital no país. A Índia certamente parece que se tornará uma grande incubadora no futuro, com o Fórum Econômico Mundial afirmando que ao país poderia se tornar o "próximo Vale do Silício".

O investimento vem em um momento fortuito para o Google, já que a Índia recentemente começou a reduzir a necessidade de uso de serviços de tecnologia da China. O governo indiano disse que vai invocar regras rigorosas sobre como as lojas e plataformas operam no país e recentemente baniu o TikTok e o WeChat.

Continua após a publicidade
Fonte: Engadget
User img

Fabio Rosolen

MAVIC AIR 2 - Uma análise de DRONE no PARAÍSO

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.