Google compra a North, responsável pelos óculos de realidade aumentada Focals
Créditos: Divulgação/North

Google compra a North, responsável pelos óculos de realidade aumentada Focals

Os termos financeiros da aquisição não foram divulgados

A Google comprou a North, uma empresa focada no desenvolvimento de óculos de realidade aumentada. As empresas anunciaram a novidades dizendo que a "experiência técnica" da North ajudará a Google a investir em seus "esforços de hardware e no futuro da ‘ambiente computing’".

Ambient computing é um termo que engloba tecnologias que visam aprofundar a integração das plataformas de computação em nossas vidas diárias. Um de seus objetivos é assimilar computadores ao nosso redor ao ponto de não notarmos que estamos fazendo uso deles. No caso da ambient computing, essas tecnologias executam as tarefas de computação para você sem um comando direto.

15/05/2020 às 13:53
Notícia

Apple compra a NextVR, empresa de realidade virtual

Analista diz que a Apple pode lançar o dispositivo de realidade aumentada 'Smart Glasses' em 2022

Os termos financeiros da aquisição não foram divulgados. A aquisição também significa que as pessoas que gastaram até US$ 1.000 nos óculos Focals da North deixarão de receber novos recursos e funcionalidades.

A North lançou o modelo Focals 1.0 em janeiro de 2019 e cerca de um mês depois, a empresa reduziu seu preço para US$ 599,99. O dispositivo possui um pequeno emissor de laser em sua haste que projeta imagens na frente dos olhos do usuário. Ele pode ser conectado a smartphones via Bluetooth para exibir notificações, fornecer direções e chamar serviços como Uber. Em dezembro do ano passado, a North anunciou que deixaria de produzir a versão original para se concentrar no Focals 2.0. Os planos mudaram com sua aquisição pela Google e agora a empresa não pretende mais lançar esse dispositivo.


Reprodução/Neowin.net

A breve entrada da North no mercado de óculos de realidade aumentada não foi fácil. A empresa dispensou cerca de 150 funcionários para poder continuar operando. Os funcionários também alertaram a liderança da empresa de que os óculos estavam superfaturados e com muito foco homens. Ainda assim, a empresa permanecerá em Kitchener-Waterloo, Canadá, após sua aquisição pela Google, que diz que continuará trabalhando na ambient computing. A Google também diz que está "comprometida com a crescente comunidade tecnológica global" na cidade natal da North.

No caso da própria Google, ela continuará investindo no Google Glass, tornando-o um produto para empresas e desenvolvedores. Ele desistiu de uma versão para usuários comuns depois do lançamento do Glass original anos atrás. Não está claro se a North ajudará no desenvolvimento desse produto, mas é possível que sua propriedade intelectual e experiência contribuam para isso.

Via: XDA Developers, The Verge Fonte: Google, North
User img

Fabio Rosolen

MAVIC AIR 2 - Uma análise de DRONE no PARAÍSO

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.