Solução para alto consumo de RAM do Google Chrome no Windows 10 já está em testes
Créditos: Reprodução/Neowin.net

Solução para alto consumo de RAM do Google Chrome no Windows 10 já está em testes

Suporte para o recurso SegmentHeap foi habilitado no navegador oferecido no canal Canary

O navegador Google Chrome é conhecido por seu alto consumo de memória RAM. O navegador passou a utilizar ainda mais memória após a implementação de mitigações com foco na vulnerabilidade Spectre. Agora uma solução para a “fome de RAM” do navegador da Google quando usado no Windows 10 já está em fase de testes.

18/06/2020 às 13:26

Quando a Microsoft lançou o Windows 10 May 2020 Update (ou Windows 10 v2004), esta versão do sistema operacional introduziu um novo recurso de gerenciamento de memória chamado ‘SegmentHeap’ para aplicativos Win32, como os navegadores. O uso deste recurso é opcional e são os desenvolvedores dos aplicativos que devem decidir se habilitam ou não o suporte e assim reduzir o consumo de memória RAM

Dias atrás a Google confirmou que estava planejando usar o recurso SegmentHeap para reduzir o alto consumo de memória do Google Chrome no Windows 10. Agora o suporte para este recurso finalmente está disponível em fase de testes para o navegador oferecido através do canal Canary. O suporte para SegmentHeap vem habilitado nas versões a partir da 85.0.4182.0.

Para quem não sabe, o Google Chrome possui três canais de distribuição para testes: Beta, Dev e Canary. O navegador oferecido no canal Canary é atualizado diariamente, conta com mais recursos experimentais e pode ser um pouco mais instável em comparação com o navegador oferecido nos canais Beta e Dev.
 


Versão mais recente do Google Chrome disponível no canal Canary
(Reprodução/Fabio Rosolen)

O novo Microsoft Edge baseado no Chromium já vem com o suporte para o recurso SegmentHeap habilitado no Windows 10 May 2020 Update e a Microsoft diz que em alguns casos o consumo de memória RAM do navegador caiu até 27%. O suporte para este recurso no Google Chrome oferecido através do canal Beta deve ser implementado em breve.

No caso da versão estável, o suporte para o recurso SegmentHeap do Windows 10 demorará algum tempo para ser disponibilizado. É provável que os usuários tenham que esperar vários meses até que ele esteja disponível.

Continua após a publicidade

Fonte: Windows Latest
User img

Fabio Rosolen

Estamos com a MI BAND 5! Veja o que a PULSEIRA INTELIGENTE da XIAOMI pode fazer

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.