Distance Assistant da Amazon usa IA para fiscalizar distância entre funcionários
Créditos: Amazon

Distance Assistant da Amazon usa IA para fiscalizar distância entre funcionários

Medida de segurança contra pandemia resulta em movimentos constantemente monitorados

A Amazon anunciou nessa semana um novo produto para ajudar a monitorar o distanciamento social de seus funcionários, o Distance Assistant. Com um nome bastante explicativo, - "assistente de distanciamento" - trata-se de um sistema que combina câmeras, radares, sensores e inteligência artificial (IA) para monitorar constantemente os trabalhadores da empresa e verificar se eles estão mantendo uma distância segura entre si.

A medida de distanciamento tem sido fortemente promovida para ajudar a evitar o espalhamento da pandemia do coronavírus, o COVID-19, que praticamente parou o mundo neste. Como mostrado no vídeo acima, o Distance Assistant usa suas tecnologias para simular um círculo verde em torno dos funcionários enquanto eles aparecem no vídeo. O círculo define a distância segura e, quando duas pessoas se aproximam demais, seus círculos ficam vermelhos, avisando pra se afastarem um pouco mais.

17/04/2020 às 16:09
Notícia

Drones vão monitorar pessoas nas ruas para detectar infectado...

Aeronaves devem se tornar comuns em cidades muito afetadas pelo vírus

O Distance Assistant já foi considerado um sucesso pelos executivos da empresa em sua fase de testes e eles esperam produzir centenas nas próximas semanas para distribuir nas instalações da Amazon nos EUA.

Claro que a tecnologia levantou questionamentos. A Amazon não tem boa fama quando se trata de respeito à saúde e ao tempo de seus funcionários, e a empresa já se viu em maus lençóis sob acusações de exploração do trabalho. Uma tecnologia capaz de fazer o monitoramento constante dos movimentos de seus trabalhadores poderia muito facilmente ser usada para intensificar exponencialmente a pressão por mais produtividade em cada um deles.

A empresa informou que o Distance Assistant é um sistema fechado em si mesmo e que precisa apenas de energia elétrica para funcionar. Isso significaria que ele não está colhendo e enviando dados para uma nuvem constantemente, pelo menos não neste primeiro momento. Mas com centenas deles instalados nos mais diversos prédios da Amazon, não seria difícil passar a armazenar as informações colhidas pelo monitoramento dos funcionários com um pequeno ajuste.

Fonte: The Verge
User img

João Gabriel Nogueira

João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline e o Mundo Conectado, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

PIX: TUDO que você PRECISA SABER

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.