Uber adiciona recurso para reservar viagens com valor fixo por hora

Uber adiciona recurso para reservar viagens com valor fixo por hora

Usuários do Uber Hourly podem contratar serviço único de caronas por US$ 50

A Uber lançou oficialmente nos Estados Unidos o serviço Uber Hourly, uma opção para caroneiros contratarem uma corrida por hora com um preço fixo. Agora, ao invés de pagar por uma corrida individual, o usuário do app pode escolher "alugar" o motorista pelo tempo que precisar.

O Uber Hourly foi testado nos EUA antes de ser implementado como modalidade oficial, e o feedback dos usuários por lá foi positivo. No país, caroneiros podem reservar uma viagem pelo preço fixo de US$ 50 (aproximadamente R$ 267,00 em conversão direta atual). Durante esse tempo, o usuário pode fazer quantas paradas quiser sem custo adicional. 

É possível reservar uma corrida por até sete horas! Cada hora contratada permanece pelo mesmo valor e o motorista deve encontrar seu caroneiro sempre que ele precisar. Apesar do grande limite de sete horas, o motorista da Uber só pode dirigir cerca de 64 km durante cada hora. Caso contrário, o contratante deverá pagar uma quilometragem adicional.   

29/05/2020 às 15:30
Notícia

Uber manda para reciclagem como sucata milhares de bicicletas...

Vídeos choca ao mostrar pilhas da conhecida Jump sendo esmagadas em centro de reciclagem

Outras especificações incluem: a viagem não pode ter um aeroporto como destino e os minutos que "sobrarem" não serão reembolsados. Ainda não sabemos se esta funcionalidade deverá chegar no Brasil.

O Uber Hourly foi pensado para quem precisa parar em vários lugares durante o dia e já estava acostumado a usar o aplicativo para locomoção. A opção de "múltiplos destinos" já estava disponível no aplicativo desde 2017, mas com certeza essa opção de aluguel deve agradar um usuário com o dia agitado pela cidade. 

Via: The Verge
User img

Mariela Cancelier

Mariela é jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina e gosta de jogos de luta e MOBAs. Foi estagiária do Adrenaline e Mundo Conectado e atualmente é redatora freelancer em ambos os sites.

O fim do CANAL do RATO BORRACHUDO e o Dilema das Redes Sociais

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.