SpaceX fará o seu primeiro voo tripulado no dia 27 de maio
Créditos: SpaceX

SpaceX fará o seu primeiro voo tripulado no dia 27 de maio

Esse será o primeiro voo desde 2011 com tripulação inteiramente estadunidense

Leitura Rápida

  • A SpaceX vai realizar o primeiro voo para o espaço com um foguete tripulado
  • O Falcon 9 será enviado para a Estação Espacial Internacional por vários meses
  • Essa será a primeira vez desde 2011 que uma tripulação inteiramente estadunidense fará uma missão espacial
  • Os astronautas que integram a tripulação são Doug Hurley e Bob Behnken

A SpaceX, a empresa de espaçonaves de Elon Musk, irá fazer a primeira viagem tripulada. A missão vai contar com o foguete Falcon 9, que já passou por diversos testes. O esperado é que a decolagem seja feita na próxima quarta-feira, dia 27 de maio de 2020, às 16:33 no horário local, que é às 17:33 no horário de Brasília. O ponto de partida do foguete é no Kennedy Space Centre, na Florida. Pode ser que aconteça adiamentos dependendo das condições climáticas do dia.

O foguete será tripulado pelos astronautas estadunidenses Doug Hurley e Bob Behnken. A previsão é que eles fiquem no espaço por vários meses na Estação Espacial Internacional. Segundo as informações divulgadas pela SpaceX, o voo até a base espacial deve levar cerca de 19 horas.

13/05/2020 às 14:55
Notícia

SpaceX lança o ISS Docking Simulator, seu simulador online

Objetivo do simulador é atracar a nave Crew Dragon na Estação Espacial Internacional (ISS)

Esse voo é extremamente para a companhia e também para os Estados Unidos. Isso porque é a primeira vez que a empresa irá lançar um foguete tripulado ao espaço, tendo dois astronautas estadunidenses. A última vez que uma decolagem apenas com tripulação norte-americana aconteceu foi em 8 de junho de 2011. Isso significa que há nove anos não há missões independentes do país.

De 2011 até hoje os EUA começaram a depender de módulos espaciais russos Soyuz e da base espacial de Baikonur, que fica localizada no Cazaquistão. Desde então, a chegada na Estação Espacial Internacional, sempre dependeu da colaboração da Rússia. A SpaceX é uma empresa terceirizada e independente. O que permite que ela crie, com recursos próprios, suas missões. 

Isso fez com que o atual presidente dos EUA, Donald Trump, pronunciasse oficialmente que irá acompanhar a decolagem do foguete ao vivo. "O nosso destino para além da Terra não é apenas uma questão de identidade nacional, mas uma questão de segurança nacional", disse o presidente. O vice-presidente, Mike Pence também deve acompanhar a decolagem.

A NASA não participa diretamente dessa missão, justamente pela SpaceX ser independente. Os resultados obtidos pelos astronautas deve ser compartilhado com o governo, para que mais avanços sejam possíveis. Elon Musk já falou diversas vezes que pretende colaborar com o avanço científico e cooperação entre ambas as companhias já é bastante comentada.

Continua após a publicidade

É esperado que a decolagem seja transmitida ao vivo pelo canal da SpaceX no YouTube. Para maiores informações sobre a missão você pode acessar a publicação oficial da empresa, com detalhes técnicos.

Via: G1 Fonte: SpaceX
User img

Ana Luiza Pedroso

Ana Luíza é técnica em informática formada pelo Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) e graduanda de Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Compõe o quadro de estagiários do Adrenaline e Mundo Conectado desde 2018, publicando notícias. Aprende muito todos os dias sobre o universo de hardware, games e tecnologia.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.