Robôs modulares 'Roombots' podem se juntar e virar mobília de maneira autônoma

Robôs modulares 'Roombots' podem se juntar e virar mobília de maneira autônoma

Dispositivos trabalham em conjunto e também servem para facilitar o cotidiano

Pesquisadores do Instituto Federal Suíço de Tecnologia de Lausanne (EPFL) desenvolveram robôs em forma de orbes que podem ser interligados e formar qualquer tipo de mobília. Os chamados "Roombots" ainda estão em fase de desenvolvimento, mas prometem inovar o cotidiano do usuário com inteligência, autonomia e criatividade.

Os podem se juntar e formar uma cadeira, por exemplo, com uma assistência humana ocasional para montá-los em uma posição ou trocar suas baterias. Os Roombots também podem agarrar coisas, abrindo uma bebida engarrafada ou "otimizando" uma mesa que pode pegar canetas que caírem no chão.

18/05/2020 às 15:23
Notícia

Vitória da Autel Robotics em disputa por patente pode resulta...

Drones da DJI podem ser removidos do mercado nos EUA já em julho

Essa combinação entre os robôs e móveis existentes promete auxiliar e facilitar seu uso, como criar rodas para ajudar a empurrar mesas e cadeiras que seguem seu usuário. Eles são indicados para pessoas que moram em espaços pequenos, já que os móveis robóticos modulares como esse podem economizar muito espaço.

Entretanto, os robôs também foram pensados para serem usados em companhias e ambientes de trabalho. Se precisar de uma cadeira, por exemplo, é só chamar os robôs que eles devem formar uma imediatamente. 

O MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts) também está trabalhando em seus próprios robôs modulares chamados M-Blocks 2.0, que não são orbes, mas sim, caixas. Esses blocos robóticos usam ímãs para conectar um ao outro e um sistema semelhante a código de barras para identificar um ao outro.

A nova tecnologia de robôs modulares pode ser até mesmo usada em missões espaciais para ajudar astronautas e engenheiros na construção de bases na Lua, por exemplo.

Fonte: CNet
User img

Mariela Cancelier

Jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), fui estagiária do Adrenaline/Mundo Conectado entre 2015 e 2017. Gosto de jogos de luta (o que marcou minha infância foi Tekken 4) e MOBAs. Atualmente sou colaboradora de ambos sites e apareço de vez em quando em alguns vídeos e reviews dos canais.

Testamos o ROG Phone 3!

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.