Cosplayer de Stormtrooper, de Star Wars, é abordado pela polícia do Canadá
Créditos: NowThis News

Cosplayer de Stormtrooper, de Star Wars, é abordado pela polícia do Canadá

A ocorrência aconteceu devido a arma de plástico que acompanha a fantasia

Leitura Rápida

  • Um restaurante decidiu comemorar o dia de Star Wars
  • O dia 4 de maio é a data escolhida para comemorar
  • Uma funcionária se vestiu com o traje completo de Stormtrooper e ficou em frente ao estabelecimento
  • A polícia recebeu duas chamadas por causa da arma que a funcionária estava portando
  • A arma era de plástico, mas ainda assim a polícia fez uma abordagem exagerada, derrubando a funcionária no chão e fazendo o seu nariz sangrar
  • Os policiais estão sob investigação de serviço

Um restaurante em Lethbridge, Canadá, decidiu celebrar o dia de Star Wars, que é comemorado no dia 4 de maio. Para isso, uma funcionária ficava do lado de fora do estabelecimento com o traje completo de Stormtrooper, que é um dos personagens do filme. A polícia teve mais de diversas chamadas de pessoas pensando que a arma de plástico usada na fantasia era real. A funcionária foi detida pelos policiais.

O incidente ocorreu na semana passada no Canadá. A polícia foi solicitada por alguns cidadãos preocupadas com o realismo da arma. O traje conta com um fuzil de plástico, que foi confundido como uma arma de fogo real.

Segundo os jornais locais, os oficiais chegaram ao local da ocorrência logo depois de solicitados. Quando desceram da viatura, já houve a ordem que a funcionária largasse sua “arma”. Ela seguiu a ordem imediatamente, mas demorou um pouco para ficar de joelhos, devido a fantasia atrapalhar a locomoção. Os policiais a agarraram e a empurraram para o chão e a algemaram, machucando o seu nariz.

O dono do restaurante defende sua funcionária falando "é uma arma de plástico! Isso é sério?". Segundo o proprietário, ela teve sangramento no nariz, mas nada mais grave ocorreu. O caso agora está sob investigação. 

A população canadense ainda está assustada com os tiroteios que ocorreram na Nova Escócia, há poucos dias. Isso faz com que a presença de uma arma, mesmo que seja de plástico, seja ameaçadora para as pessoas. O que impressiona é que as pessoas não conheciam um personagem famoso da cultura pop. 

Mesmo que não tenha acontecido nada grave com a funcionária, os policiais que conduziram uma abordagem muito agressiva, estão sendo sujeitos a uma "investigação de serviço". A Polícia de Lethbridge informa que está tomando as medias cabíveis para que situações como essa não voltem a ocorrer.

Via: Kotaku
User img

Ana Luiza Pedroso

Ana Luíza é técnica em informática formada pelo Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) e graduanda de Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Compõe o quadro de estagiários do Adrenaline e Mundo Conectado desde 2018, publicando notícias. Aprende muito todos os dias sobre o universo de hardware, games e tecnologia.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.