Novo padrão permitirá que celulares carreguem dispositivos via NFC
Créditos: Reprodução

Novo padrão permitirá que celulares carreguem dispositivos via NFC

Pequenos gadgets como fones de ouvido e smartwatches seriam os principais beneficiados

Carregar pequenos gadgets sem fio pode se tornar mais prático e fácil num futuro próximo. O NFC Forum, responsável pela tecnologia de comunicação por campo de proximidade, apresentou a tecnologia Wireless Charging Specification (WLC). Através dela, será possível permitir que dispositivos como carregadores e smartphones, equipados com uma única antena, transfiram energia para eletrônicos compatíveis em até um watt. Ao mesmo tempo, os dispositivos NFC equipados com o recurso também poderiam se comunicar.

Como destaca o Engadget, embora pareça pouco, um watt é suficiente para carregar fones de ouvido wireless ou até mesmo um smartwatch de forma relativamente rápida. Como muitos aparelhos já saem com NFC de fábrica, seria mais fácil a implementação esse tipo de carregamento. 

"O carregamento sem fio via NFC é realmente transformador porque muda a maneira como projetamos e interagimos com pequenos dispositivos alimentados por bateria, pois a eliminação de plugues e cabos permite a criação de dispositivos menores e hermeticamente fechados", disse Koichi Tagawa, presidente do NFC Forum.

O padrão poderia funcionar com outros dispositivos equipados com NFC além de smartphones, incluindo carregadores, PCs, tablets e até controles de videogames - o gamepad do Wii U possui um chip NFC, por exemplo.

13/04/2020 às 17:32
Notícia

Oppo 40W AirVOOC é um dos carregadores wireless mais potentes...

Produto está custando menos de US$ 35 na China, mais barato que o da concorrente Huawei

Recentemente, Samsung e Huawei introduziram um recurso no qual alguns de seus smartphones são capazes de carregar os respectivos gadgets como fones de ouvido, fazendo uso do padrão Qi. Nos dois casos, porém, o NFC não é utilizado. Levando os dois casos como exemplo, podemos enxergar o novo padrão WLC sendo capaz de quebrar barreiras ao trazer compatibilidade entre dispositivos de diferentes fabricantes.

É importante ter consciência de que a especificação acaba de ser publicada, portanto, sua implementação ainda pode demorar para chegar ao consumidor.

Via: Engadget
User img

Gabriel Tagarro

Formado em jornalismo pela Universidade Castelo Branco, é apaixonado por games desde 1994, quando ganhou um Master System. Joga de tudo um pouco, seja no PC ou no console. Ama tecnologia e escreve com prazer sobre tudo que a envolve.

RTX série 30: confira as TECNOLOGIAS que chegam com as novas placas de vídeo da Nvidia

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.