Zoom: Veja como instalar e usar o app de videoconferência em PCs e smartphones [+VÍDEO]
Créditos: Sabay News | TechOwns | B9

Zoom: Veja como instalar e usar o app de videoconferência em PCs e smartphones [+VÍDEO]

O Zoom Cloud Meetings ganhou popularidade na quarentena por suportar até 100 pessoas em uma chamada

Leitura Rápida

  • O Zoom bombou na quarentena devido ao número de pessoas que suporta em uma única chamada de vídeo.
  • O aplicativo tem uma versão gratuita que oferece até 40 minutos de vídeo com 100 pessoas.
  • Para criar uma reunião, você precisa se registrar no app, mas para participar só precisa baixá-lo.
  • Problemas de vulnerabilidade foram descobertos, mas já houve atualizações

Nesse período de quarentena e isolamento social, vários aplicativos que oferecem vídeo-chamada ganharam ou reconquistaram a atenção das pessoas. Seja para reuniões de trabalho ou ver a família e amigos de longe, essas ferramentas se mostraram ainda mais úteis do que estávamos acostumados. Um desses exemplos é o Zoom Cloud Meeting, aplicativo de vídeo-conferência HD em que é possível compartilhar sua tela com até 100 pessoas. Mencionamos ele nesse outro artigo sobre opções de app para chamada de vídeo, mas hoje vamos desbravá-lo um pouco mais, mostrando como instalar no computador ou smartphone, além dos primeiros passos para usá-lo. Confira a seguir:


Observação inicial:

O aplicativo de videoconferências Zoom Cloud Meetings não é relacionado com o site de comparação de preços de mesmo nome que usamos em nossas fontes (Zoom.com.br). Ele é criação da startup norte-americana Zoom Video Communications.


Resumo em vídeo

 

Veja tudo que você precisa saber do ZOOM neste vídeo e faça conferências e aulas online


Como instalar o Zoom no celular

Para começar a usar o Zoom Cloud Mettings pelo smartphone, primeiro é preciso instalá-lo no aparelho. O app está disponível nas lojas tanto do Android quando iOS e é gratuito.

Feito isso, a primeira tela a aparecer já dá a opção de entrar em uma reunião (sem registro), além de criar uma conta ou fazer login. Caso tenha sido convidado para uma reunião, mas não quer fazer uma conta, você vai precisar:

- Do ID da reunião (quem passa isso é o anfitrião dela);
- Registrar seu nome do local indicado;
- Escolher se quer entrar com áudio e vídeo ligado ou desligado.

Continua após a publicidade

Em alguns casos, reuniões também possuem uma senha para entrar (diferente do ID), que também é definida e fornecida pelo anfitrião da chamada.

Já para criar uma conta de usuário no Zoom , você precisa registrar os seguintes dados:

- Data de Nascimento (informação inicial para checagem de idade. Não deve ser armazenada, segundo o aviso do app);
- E-mail de escolha;
- Nome e Sobrenome.

Após esse passo, deve-se aceitar os Termos de Serviço (e, de preferência, lê-los antes disso). O Zoom irá enviar um e-mail de confirmação para o endereço registrado e, após clicar em "Ativar Conta", uma janela irá abrir questionando se você está se registrando em nome de alguma escola. Depois da sua resposta (a nossa foi não), a página de registro irá aparecer novamente - acabamos usando o computador para confirmar o e-mail, por isso da imagem diferenciada.

 

Como instalar o Zoom no PC

Para quem vai usar o Zoom pelo computador / notebook, existem duas etapas possíveis para registro: online e baixando o aplicativo na máquina. Pelo seu navegador de preferência, você pode entrar em zoom.us/pt-pt/meetings.html  para se registrar (sem o .html não funciona).  Os mesmos passos que foram solicitados no smartphone serão repetidos, até chegar na página de registro + senha individual.

Continua após a publicidade

Criando sua senha

Para criar sua senha, existem algumas regras - que, provavelmente, você sempre vê:

- Ter pelo menos 8 caracteres;
- Ter pelo menos 1 letra (a, b, c...);
- Ter pelo menos 1 número (1, 2, 3...);
- Incluir caracteres em Maiúscula e Minúscula;
- Não conter apenas um caractere (111111 ou AAAAAA);
- Não usar apenas caracteres consecutivos (12345678 ou abcdefgh).

Após decidir a sua proteção e clicar em "Continuar", existe a possibilidade de convidar até três amigos para também se registrarem no Zoom - mas, caso não seja necessário, você pode apenas pular esse passo. Depois disso, você pode começar uma reunião imediatamente, com o link gerado, ou ir para sua conta.

 

Download do app na máquina

Passando para a segunda opção, quem quiser baixar o aplicativo Zoom no computador deve entrar em zoom.us/download e fazer o download (heh). Nessa mesma página, existe a aba "Download para Administrador de TI", em que você pode escolher baixar a versão "Zoom para IBM Domino/Notes" e "Cliente do Zoom Rooms" além da versão para reuniões - que será a nossa escolha.

O Zoom Cloud Meeting vem em inglês por padrão - mas é possível alterar isso

 

Feito o download, execute o arquivo. O aplicativo será instalado e uma janela abrirá automaticamente com as opções de entrar em uma reunião ou fazer login. 
Caso já tenha registrado seu e-mail, use-o aliado a sua senha. No entanto, também existem as opções de entrar com uma conta do Google ou Facebook .

Para assistir uma reunião, você precisa ter o aplicativo BAIXADO - o registro é opcional

 


100 pessoas de graça por tempo indeterminado? Não é bem assim...

O Zoom 100% grátis permite reuniões de até 40 minutos com 100 pessoas

 

O Zoom, sim, permite realizar conferências em vídeo com até 500 pessoas por bastante tempo - porém, isso não é totalmente grátis. A plataforma possui diferentes pacotes de serviços, com mensalidades / anuidades que variam de acordo com o que você quer. Existe o plano anual escolar a partir de US$ 150/mês para até 20 anfitriões, empresarial, corporativo e assim vai. A versão completamente gratuita do app permite vídeo-chamadas de até 40 minutos com 100 pessoas e número de conferências, tanto em grupo quanto individuais, limitado.

Não se engane: o Zoom cobra em dólar

 

Na imagem abaixo, você pode ver um resumo dos principais pacotes do Zoom:



Criando uma reunião

No PC

Para CRIAR uma reunião no Zoom, é obrigatório estar registrado na plataforma. Depois de selecionar a opção "Nova reunião", em laranja, automaticamente a sua webcam será ativada e uma janela aparecerá com "Ingressar em Audioconferência por Computador". Clicando nela, a sua vídeo-chamada já começa com o som do microfone liberado - você pode fazer com que isso seja um padrão (a mensagem não vai mais aparecer), ou iniciar uma chamada sem áudio, clicando no "X".

Nesse momento, a conferência já está sendo transmitida e pronta para acontecer. Porém, para que pessoas entrem nela e participem de fato, você precisa ir até a guia de "Participantes".

Nela, está o botão "Convidar", que explica sua própria função. O jeito mais prático de enviar o convite para as pessoas é selecionando "Copiar URL" e enviar o link gerado para quem você quiser. Utilizando esse endereço, uma página da web vai abrir e direcionar o usuário para a próxima ação: entrar na conversa ou baixar o Zoom. Se as configurações padrão ainda estiverem valendo, será preciso esperar o anfitrião permitir sua entrada - você ficará na "sala de espera" enquanto isso.

Outra forma de convidar alunos, amigos ou colegas de trabalho é usando o ID (identificador) da reunião, que aparece na faixa cinza da aba de convite. Usando esse método, também será preciso fornecer a senha para o participante, que entrará na "sala de espera" por padrão - caso você não tenha desabilitado essa opção. Aprovando a entrada, a pessoa já está na conferência.

Ferramentas básicas do anfitrião

Para conhecer as ferramentas básicas que podem ser utilizadas durante uma videoconferência pelo anfitrião, assista o vídeo que está no início desse artigo a partir dos 6:30min

Compartilhando a tela com participantes

Essa parte, com certeza, é bem interessante para professores, e pode ser melhor entendida através do visual. Então, assista o vídeo inicial do artigo partir dos 15min.

No celular

O processo para criar uma reunião do Zoom pelo celular é muito semelhante ao que falamos até o último tópico. Claro, como estamos lidando com uma tela menor, existe uma verticalização e reposicionamento de ícones dentro da interface - mas nada surpreendente. Para ver como criar uma reunião através do celular (e saber um pouco sobre seu ID pessoal e a opção de "Direção Segura"), assista o vídeo a partir dos 21:30min.


Participando de uma reunião

Falamos até agora de quem tem "o controle absoluto" sobre uma reunião, mas chegou a hora de mostrar um pouco como é a visão do espectador. Primeiramente, voltemos ao ID: para entrar em uma reunião utilizando o identificador e senha, é necessário, como já falamos algumas vezes, que seu anfitrião forneça essas informações. 
Feito isso, basta entrar na mesma janela de login mostrada anteriormente, selecionar "Ingressar em uma reunião" e preencher os espaços obrigatórios. Depois, você utiliza a senha da sala para entrar normalmente.

A única grande diferença entre ser quem comanda a videoconferência e quem participa são as opções de segurança no geral - que ficam no controle de quem criou a reunião. De resto, tudo é bastante semelhante.


Falha de segurança

Como foi dito no início desse artigo, o Zoom ganhou bastante popularidade desde que a quarentena teve início, e muitas pessoas começaram a usá-lo por questões de trabalho, principalmente. No entanto, a popularidade é uma faca de dois gumes e, com a visibilidade, vieram à tona algumas "falhas gravíssimas de segurança" que a plataforma apresentava. A própria Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) baniu o uso interno do aplicativo de videoconferências, pedindo que seus funcionários desinstalassem o app dos seus computadores, celulares e/ou tablets e alterem suas senhas. 

09/04/2020 às 13:47
Notícia

CEO da Zoom pede desculpas por falhas de segurança em videoco...

Eric Yuan destacou as recentes atualizações de privacidade e prometeu levar as questões de segurança ...

A falha em questão foi descoberta por especialistas em segurança cibernética de fóruns internacionais sobre tecnologia.  Através dela, invasores eram capazes de acessar a câmera e o microfone, além de roubar a senha de acesso e informações dos usuários e das ligações. Outro ponto que não deixou os usuários muito felizes foi o fato da Zoom (como empresa) repassar dados dos seus usuários ao Facebook, mesmo quando estes não possuíam uma conta na rede social. A descoberta foi feita pelo jornalista Joseph Cox.

O compartilhamento foi confirmado pelo CEO da Zoom, Eric S. Yuan, que pediu desculpas e alegou que o erro  aconteceu devido a uma implementação feita usando um kit de desenvolvimento do Facebook.

Pouco tempo depois da polêmica, algumas ações foram realizadas para converter as falhas do aplicativo de vídeo-conferência. Para começar, a Zoom  instituiu uma paralisação de 90 dias em novos recursos planejados para o app, permitindo que os desenvolvedores se concentrem melhor no produto atual. O ex-chefe de segurança do Facebook, Alex Stamos, também anunciou que passaria a colaborar com a empresa na área de segurança.

Com o lançamento do Zoom 5.0, foram implementadas algumas novidades relacionada a segurança e criptografia. Algumas delas são:

- É possível ver um novo ícone que agrupa muitos dos recursos de segurança do Zoom. Você pode usá-lo para bloquear  reuniões, remover participantes e restringir o compartilhamento de tela e o bate-papo. 
- O Zoom está habilitando senhas por padrão para a maioria dos clientes, e os administradores de TI podem definir a complexidade delas para usuários em ambientes corporativos.
-  A sala de espera do app passa a estar ligada, por padrão, para contas básicas, Pro com licença única e contas K-12. Esse recurso permite que um host mantenha os participantes em uma sala virtual antes que eles sejam autorizados a entrar em uma reunião. 
-  A criptografia do Zoom está sendo atualizada para o padrão AES 256 bits GCM.

Zoombombing

Várias dessas novas medidas da  Zoom Video Communications buscam prevenir os usuários de sofrer algum ataque conhecido como "Zoombombing". O termo define alguma situação em que muitas pessoas não autorizadas invadem uma reunião no Zoom para causar problemas, como divulgação de conteúdo pornográfico ou "chocante".  

14/04/2020 às 08:18
Notícia

Mais de 500.000 contas do Zoom são vendidas em fóruns da dark...

Muitas também são oferecidas gratuitamente por hackers atrás de ganhos de reputação

De acordo com informações da empresa de inteligência de segurança cibernética Cyble, algumas contas Zoom vendidas ou oferecidas gratuitamente na dark web - fóruns de hackers - também são fornecidas para realizar esse tipo de ataque.  A melhor forma de se prevenir contra essas ações maliciosas é alterar sua senha de tempos em tempos, usando combinações complexas, com números, letras em caixa baixa e alta. Outra dica muito valiosa é não usar a mesma senha em plataformas diferentes.

Para saber se o seu endereço de email foi alvo de alguma violação, é possível entrar no site Have I Been Pwned, ou ainda no AmIBreached da Cyble.


Faltou alguma coisa?

Caso tenhamos deixado alguma informação ou ferramenta importante do Zoom de fora deste artigo, não deixe de dar seu feedback nos comentários ou ainda enviar uma mensagem no nosso "Report de erro"!

Fonte: Zoom.com.br (1), (2), (3), Zoom Cloud Meetings
User img

Saori Almeida

Saori Almeida é natural do Rio Grande do Sul, técnica em administração formada pelo Centro Tecnológico de Caxias do Sul (CETEC) e estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Gosta da cultura asiática e nerd no geral e tem interesse crescente por tecnologia e games desde pequena - gosto que se intensifica diariamente na redação.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.