Covid-19: Uber anuncia novas ações para ajudar motoristas e entregadores no Brasil
Créditos: Forbes | Gratis PNG

Covid-19: Uber anuncia novas ações para ajudar motoristas e entregadores no Brasil

Trabalhadores poderão pedir auxílio remunerado por até 14 dias

Com a atual pandemia do covid-19, a Uber tem anunciado uma série de medidas de apoio aos seus motoristas. Ontem (14), a empresa explicou quais serão suas ações para o mercado brasileiro especificamente.

Entre as principais medidas, estão o reembolso de itens de proteção (álcool em gel, luvas, máscaras) e uma assistência financeira aos motoristas e entregadores. Explicando melhor a segunda citada: os trabalhadores da Uber que precisarem de afastamento por serem parte do grupo de risco, estarem com suspeita ou diagnosticados com coronavírus poderão pedir auxílio remunerado por até 14 dias à companhia. Para isso, é necessário apresentar atestado médico que comprove a condição.

Para saber mais sobre esse auxílio, você pode entrar nesta página.

Outra ação da Uber é a disponibilidade do Einstein Conecta para os motoristas, serviço que fornece orientações médicas por vídeo chamada 24 horas por dia, em parceria com o Hospital Albert Einstein. Porém, para ter acesso a esse serviço de fato, os trabalhadores precisarão pagar um valor adicional no Vale Saúde Sempre.

A companhia também ampliou seu programa que oferece viagens gratuitas para clientes que forem doar sangue no Hemocentro de Porto Alegre, que teve queda nas doações nas últimas semanas.

12/03/2020 às 17:27
Notícia

Uber poderá suspender contas de motoristas com Coronavírus

Medida será temporária para prevenir disseminação da doença

Por fim, a Uber também anunciou uma campanha de doação de cestas básicas e kits de higiene pessoal em comunidades de Curitiba, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo, em parceria com a CUFA (Central Única de Favelas). Para participar, basta ir na opção A comunidade nos move dentro do Uber Eats, selecionar os produtos e concluir a compra.

User img

Saori Almeida

Saori Almeida é natural do Rio Grande do Sul, técnica em administração formada pelo Centro Tecnológico de Caxias do Sul (CETEC) e estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Gosta da cultura asiática e nerd no geral e tem interesse crescente por tecnologia e games desde pequena - gosto que se intensifica diariamente na redação.

O fim do CANAL do RATO BORRACHUDO e o Dilema das Redes Sociais

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.