Telescópio espacial Hubble tira foto de galáxia com aparência floculenta
Créditos: ESA/Hubble/NASA

Telescópio espacial Hubble tira foto de galáxia com aparência floculenta

Galáxia NGC 4237 com aparência “fofa” está localizada na constelação Coma Berenices

A NASA divulgou recentemente uma imagem capturada pelo Telescópio espacial Hubble da galáxia NGC 4237. Esta galáxia está localizada a 60 milhões de anos-luz da Terra na constelação Coma Berenices.

Esta galáxia foi classificada como “espiral floculenta”, o que significa que seus braços não são claramente distinguíveis uns dos outros, como em galáxias espirais “normais”. Os braços da NGC 4237 são irregulares e descontínuos. Isso dá à galáxia uma aparência fofa, que lembra vagamente flocos de algodão.

28/03/2020 às 13:30
Notícia

Pesquisa indica que pode ter existido vida em Mercúrio

Condições ideais estariam no subterrâneo do planeta 

Embora sua aparência chame a atenção, os astrônomos que estudaram a NGC 4237 estavam mais interessados em sua protuberância galáctica - sua região central brilhante. Ao aprender mais sobre essas protuberâncias, podemos explorar como as galáxias espirais evoluíram e estudar o crescimento dos buracos negros supermassivos que se escondem nos centros da maioria das espirais. 

Há indícios de que a massa do buraco negro no centro de uma galáxia está relacionada com a massa de sua protuberância, mas essa conexão ainda é incerta. A forte correlação entre ambos ainda é um mistério - um que os astrônomos esperam resolver estudando galáxias como a NGC 4237 vista abaixo.

Para fazer uma comparação, esta outra imagem mostra uma galáxia espiral mais "tradicional”, a NGC 5364, também capturada pelo Telescópio espacial Hubble. Esta galáxia de “grande design” é basicamente um arquétipo para galáxias espiraladas:

Fonte: Universe Today, NASA, Canaltech
User img

Fabio Rosolen

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.