Governos vão acompanhar quarentena em tempo real rastreando celulares
Créditos: Quartz

Governos vão acompanhar quarentena em tempo real rastreando celulares

Parceria com startup In Loco deve fornecer dados da localização de cidadãos

Governos estaduais e municipais do Brasil fizeram um acordo com a startup pernambucana In Loco para monitorar a localização da população com objetivo de checar se as ordens de quarentena estão sendo devidamente obedecidas. A parceria vai garantir que as autoridades possam acompanhar o deslocamento das pessoas pelas cidades em tempo real. A medida está sendo adotada para verificar o comportamento do povo em relação à prevenção do Coronavírus (COVID-19), doença declarada recentemente como pandemia pela OMS (Organização Mundial da Saúde).

Uma das primeiras parcerias com a startup foi feita pela prefeitura de Recife, de acordo com a reportagem do site Mobile Time. Em entrevista com o CEO da In Loco, André Ferraz, a notícia menciona que outras cidades do Brasil já entraram em contato com a empresa. De acordo com André, a prioridade é tentar cobrir todo território nacional para "fazer acontecer" esse monitoramento no país.

Leia a reportagem completa aqui

27/03/2020 às 10:17
Notícia

Correios suspende entregas em SC por sete dias devido ao Coro...

Estado está em situação de emergência por causa da doença COVID-19

Além do monitoramento da população, a startup também esclareceu que está elaborando uma métrica para acompanhar profissionais da saúde e pacientes com o COVID-19. Dessa maneira, é possível calcular a lotação de pessoas em tempo real em cada unidade de saúde e ajudar na alocação das pessoas infectadas. Uma das ferramentas mais importantes é o monitoramento em tempo real de aglomerações, que poderá ajudar autoridades de segurança pública a encontrar locais onde há um grande número de pessoas reunidas. 

O sistema de monitoramento ainda não está pronto, mas deve ficar nas próximas semanas, de acordo com o CEO da In Loco em entrevista ao Mobile Time. A empresa está integrando seu SDK em aplicativos dos estados brasileiros para alertar via mensagem usuários que estejam na rua de que é recomendado sair apenas quando extremamente necessário. 

User img

Mariela Cancelier

Mariela é jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina e gosta de jogos de luta e MOBAs. Foi estagiária do Adrenaline e Mundo Conectado e atualmente é redatora freelancer em ambos os sites.

O fim do CANAL do RATO BORRACHUDO e o Dilema das Redes Sociais

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.