Taiwan consegue conter surto de Coronavírus com medidas de proteção
Créditos: Ann Wang/ Reuters

Taiwan consegue conter surto de Coronavírus com medidas de proteção

A ilha à 180km da costa leste da China possui apenas 47 casos de coronavírus e uma morte

Com os novos casos de Covid-19 (Chamado popularmente de Coronavírus) no Brasil há muitas discussões sobre as medidas de isolamento. Essa atitude é inspirada em países que poderiam ter tido um surto muito maior da doença, caso não tivessem investido em prevenção. Um dos maiores exemplos é Taiwan. A ilha, localizada à 180km a leste da China, registrou apenas 47 pacientes diagnosticados com a doença, com uma morte. 

As medidas adotadas foram eficientes, antes mesmo de se confirmar qualquer caso na província. Assim que a doença começou a contaminar muitos chineses, o país já se preparou para monitorar todos os voos vindos de Wuhan, epicentro do Coronavírus. Qualquer pessoa vinda de cidades com o surto tinham o seu histórico médico controlado.

18/02/2020 às 12:00
Artigo

Entenda o que é o Coronavírus e como ele pode afetar a indúst...

Empresas estão parando temporariamente sua produção para conter o vírus

Já nos aeroportos eram feitas triagens rápidas, para certificar que os passageiros não apresentassem febre, que é um dos principais sintomas da doença. Os que tivessem qualquer sinal de estar com o Coronavírus, mesmo que tivessem um histórico médico perfeito, eram imediatamente isolados.

No dia 1º de janeiro diversos médicos taiwaneses embarcaram para China para entender o comportamento do vírus, além de aprender com os profissionais de saúde que já estavam tratando a doença. Quando retornaram para o seu país já foi possível ter uma visão geral do Covid-19, o modo como ele se comporta, além dos tratamentos que podiam ser aplicados.

O governo também orientou para que as crianças que tivessem qualquer sintoma de gripe não fossem a escola, a fim de conter a propagação. Também informando que não era para deixá-las aos cuidados dos avós, já que os idosos são o principal grupo de risco. Outra atitude foi orientar os adultos que apresentassem febre e dificuldade para respirar para se isolar. O cuidado era redobrado para quem teve contato com cidadãos vindos da China.

Mesmo que parecesse exagerado, se as medidas não fossem tomadas, certamente a disseminação da doença seria muito maior. É comum que cidadãos de Taiwan se consolidem em empregos na China e voltem constantemente para a sua terra natal para visitar familiares. Mesmo que as pessoas que vivam na China não sejam grupo de risco, elas poderiam trazer o vírus para a ilha, contaminando os demais.

17/03/2020 às 12:28
Notícia

Covid-19: mapa em tempo real mostra estatísticas do vírus no ...

Há mais de 100 mil infectados no globo e o número de mortos pela doença já passa de 7 mil

Continua após a publicidade

Atualmente Taiwan possui mais de 23 milhões de habitantes. Com os 47 infectados, isso indica que a doença chegou a 0,0002% da população. Por esse motivo, as atitudes tomadas pelo governo estão sendo levadas como exemplo para diversas outras partes do mundo, inclusive o Brasil.

Lembramos que o indicado é manter as mãos constantemente higienizadas, evitando contato com o rosto. Se mantenha em casa o máximo possível, evite ir para ambientes fechados com muitas pessoas ou com aglomerações.

Via: Exame
User img

Ana Luiza Pedroso

Ana Luíza é técnica em informática formada pelo Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) e graduanda de Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Compõe o quadro de estagiários do Adrenaline e Mundo Conectado desde 2018, publicando notícias. Aprende muito todos os dias sobre o universo de hardware, games e tecnologia.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.