Samsung inicia produção em massa de eUFS 3.1, 60% mais rápido que eUFS 3.0
Créditos: Samsung

Samsung inicia produção em massa de eUFS 3.1, 60% mais rápido que eUFS 3.0

Smartphones com eUFS 3.1 de 512GB terão mesma capacidade de armazenamento que notebooks

A Samsung iniciou a produção em massa do primeiro eUFS 3.1. Essa tecnologia é um sistema de armazenamento universal de flash incorporado de 512GB. Ela oferece velocidades até três vezes maiores que o eUFS 3.0. Esse novo sistema consegue superar o limite de de desempenho de 1 GB/s no armazenamento de smartphones.

02/03/2020 às 13:26
Artigo

O que é armazenamento Universal Flash Storage (UFS) e quais s...

Versão 3.1 já foi anunciada e pode chegar nos aparelhos das linhas OnePlus 8 e Galaxy Note 20

Esse novo protocolo de armazenamento vai estar disponível para os próximos smartphones topo de linha. Na prática, os usuários terão a mesma capacidade de armazenamento de notebooks ultrafinos, o que significa conseguir manter arquivos grandes e pesados. Além de conseguir salvar mais fotos e vídeos, sem perder a velocidade do dispositivo.

O novo protocolo eUFS 3.1 terá velocidades de gravação sequencial acima de 1.200 MB/s. Isso é mais que mais do que o dobro da velocidade de um PC baseado em SATA, que possui gravação de 540 MB/s, comparado a um cartão microSD UHS-I essa velocidade consegue ser mais do que 10 vezes, já que ele tem capacidade de cerca de  90 MB/s.

Os smartphones equipados com eUFS 3.1 terão a mesma capacidade de armazenamento que notebooks ultrafinos

 

Os smartphones com o novo eUFS 3.1 devem levar 1,5 minutos para mover 100GB de dados. Para comparar, os dispositivos com UFS 3.0 requerem mais de quatro minutos, mais do que o dobro de tempo. O eUFS 3.1 de 512 GB é até 60% mais rápido que o UFS 3.0. O novo modelo oferece 100.000 operações de entrada e saída por segundo (IOPS) para leituras e 70.000 IOPS para gravações.

Continua após a publicidade

Além da opção de 512 GB, a Samsung também terá capacidades de 256GB e 128GB disponíveis. Como o processo de fabricação em massa já iniciou, a tecnologia já deve estar disponível para os dispositivos mais avançados fabricados ao longo de 2020. 

Via: Engadget, TechPowerUp, Guru3D
User img

Ana Luiza Pedroso

Ana Luíza é técnica em informática formada pelo Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) e graduanda de Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Compõe o quadro de estagiários do Adrenaline e Mundo Conectado desde 2018, publicando notícias. Aprende muito todos os dias sobre o universo de hardware, games e tecnologia.

O fim do CANAL do RATO BORRACHUDO e o Dilema das Redes Sociais

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.