Drone Quaternium HYBRiX 2.1 bate recorde voando por incríveis 8 horas e 10 minutos
Créditos: Quaternium Technologies

Drone Quaternium HYBRiX 2.1 bate recorde voando por incríveis 8 horas e 10 minutos

Marca anterior era de 4 horas e 40 minutos, conquistada pela própria empresa

A Quaternium usou o seu drone HYBRiX 2.1 para bater o recorde de duração de voo de aeronave autônoma não tripulada ao mantê-lo no ar por oito horas e dez minutos consecutivos. A marca anterior era da própria empresa, que havia promovido um voo de quatro horas e 40 minutos seguidos.

05/03/2020 às 16:47
Notícia

Empresa cria sistema de suporte aéreo com drones para emergên...

Drones da Impossible Aerospace auxiliam a polícia no combate ao crime

Como aponta o site Drone Reviews and News, a autonomia tem sido um dos maiores problemas para drones, que raramente consegue se manter no ar por várias horas. Afinal, é um desafio equilibrar o tamanho da bateria com o peso da aeronave e suas outras caraterísticas.

Há seis anos, a Quaternium se tornou a primeira empresa do mercado a desenvolver um drone híbrido: que usa combustíveis tradicionais e energia elétrica em conjunto. Isso resultou no drone multirotor HYBRiX sendo capaz de se manter no ar por três horas e dez minutos – o que na época demoliu todos os recordes anteriores.

Com isso, surgiu uma categoria nova de drones que buscam suprir as demandas de aplicações comerciais. O uso de multirotores híbridos é responsável por ampliar o tempo de voo em mais de dez vezes, em comparação com soluções puramente elétricas.

O recorde mais recente do Quaternium HYBRiX 2.1 viu a aeronave não tripulada decolando às 8h52 no horário de Valência, na Espanha. Ele só foi pousar às 17h02, executando um voo estacionário de 490 minutos.

Fonte: Quaternium

Continua após a publicidade

A empresa ainda divulgou um gráfico comparando o HYBRiX 2.1 com o HYBRiX 2.0 e outros drones multirotores populares. Enquanto a versão 2.1 do drone híbrido da Quaternium aguenta 490 minutos no ar, o modelo 2.0 ficava 280 minutos. O gráfico então tem uma brusca queda para o próximo da lista, o DJI Phantom 4, que aguenta 30 minutos consecutivos no ar.

Já o DJI Inspire 2 tem uma autonomia de 27 minutos, enquanto o Yuneec Typhon 4K e o Parrot Bebop 2 empatam com 25 minutos. Na última colocação da lista fica o DJI Agras T16, com um tempo de voo máximo de apenas 18 minutos.

O projeto HYBRiX é suportado pela União Europeia através do programa de inovação Horizon 2020, que busca incentivar projetos científicos com potencial para se tornarem líderes da indústria.

Via: Drone Reviews and News
User img

Carlos Felipe

Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou parao PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

Conheça o Luna! O novo serviço de STREAMING de JOGOS da Amazon

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.