Clearview AI, empresa de reconhecimento facial, tem dados hackeados
Créditos: Tech.co

Clearview AI, empresa de reconhecimento facial, tem dados hackeados

Isso não é um bom sinal para uma empresa com foco em segurança

A Clearview AI, controversa empresa de reconhecimento facial que acessa fotos de usuários em mídias sociais, foi hackeada. De acordo com informações recentes, os hackers acessaram dados incluindo "toda a lista de clientes da empresa, o número de pesquisas que esses clientes fizeram e quantas contas cada cliente havia criado".

Em nota enviada aos seus clientes, que foi vista pelo site The Daily Beast, a empresa alegou que não havia "nenhum sistema ou rede da Clearview foi comprometido", que a brecha foi corrigida e que os históricos de pesquisa dos clientes não foram acessados.

20/12/2019 às 19:34
Notícia

Tecnologia de reconhecimento facial é menos eficaz em negros,...

Algorítimos também têm dificuldade com rostos asiáticos

Isso é extremamente importante porque os clientes da empresa são predominantemente agências de segurança, como o FBI e o Departamento de Segurança Interna dos Estados Unidos, e grande parte de seu banco de dados contém fotos obtidas online. Seria muito preocupante se os hackers acessassem informações relacionadas a qualquer um desses aspectos das práticas da empresa.

Em um artigo publicado em janeiro deste ano pelo jornal The New York Times, foi revelado que a Clearview AI havia obtido bilhões de fotos do Facebook, Twitter, YouTube e de outras plataformas. O artigo gerou muitas críticas à empresa, já que sua prática foi considerada como “moralmente questionável” e “assustadora”.

O artigo do jornal gerou algumas reações das empresas afetadas. Facebook, Twitter, YouTube, e Venmo enviaram pedidos para que Clearview AI interrompesse seu processo de obtenção de fotos e outras informações a partir destas plataformas e estado americano de Nova Jersey agora está querendo encerrar seu relacionamento com a empresa.

Enquanto isso, o CEO da empresa, Hoan Ton-That, disse que Primeira Emenda da Constituição dos Estados Unidos lhe dava direito a todas aquelas fotos disponíveis publicamente.

Clearview AI, empresa de reconhecimento facial, tem dados hackeados

A perda de clientes nos Estados Unidos não deve ter um grande impacto na Clearview AI. Uma reportagem recente do Buzzfeed News descobriu que a empresa estava planejando uma rápida expansão internacional, inclusive para países com lideranças autoritárias como os Emirados Árabes Unidos, o Catar e o Brasil.

Continua após a publicidade

Em nota, a empresa disse o seguinte: "A segurança é a prioridade máxima da Clearview. Infelizmente, violações de dados fazem parte da vida no século 21. Nossos servidores nunca foram acessados. Corrigimos a falha e continuamos trabalhando para fortalecer nossa segurança".

Fonte: Mashable
User img

Fabio Rosolen

PIX: TUDO que você PRECISA SABER

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.