Qualcomm revela design de referência para sua plataforma de realidade virtual e aumentada
Créditos: Qualcomm

Qualcomm revela design de referência para sua plataforma de realidade virtual e aumentada

Ele inclui suporte para 5G e sete câmeras

A Qualcomm revelou um design de referência para sua nova plataforma de realidade virtual e aumentada. O design de referência serve para mostrar como seria um dispositivo construído para uso com o Snapdragon XR2, que é um chipset habilitado para 5G projetado para hardware com foco em realidade virtual e realidade aumentada.

21/02/2020 às 10:47
Notícia

Project Proton: Novos óculos de realidade virtual da HTC meno...

Protótipos ainda estão em desenvolvimento e algumas imagens renderizadas foram divulgadas pela empresa

O design é um protótipo produzido pela fabricante de eletrônicos Goertek, que já havia trabalhado com a Qualcomm no passado. Ele se parece muito com o design de referência XR1 anterior da Qualcomm, como admitiu o chefe de VR/AR (ou coletivamente, "XR") da empresa, Hugo Swart, aos repórteres.

A diferença é que o novo design de referência pode mostrar os novos recursos da XR2, incluindo suporte para redes 5G e até sete câmeras — embora ainda use painéis de exibição 2K para cada olho em vez da resolução máxima 3K para a plataforma XR2. A imagem abaixo mostra outras variações do design de referência:

Qualcomm revela design de referência para sua plataforma de realidade virtual e aumentada

A linha de chipsets para realidade virtual e realidade aumentada da Qualcomm ficou um pouco mais complicada. Ela vai continuar vendendo o XR1, que foi anunciado em 2018, e alguns dispositivos como o Microsoft HoloLens 2 não precisam de uma plataforma especializada.

Mesmo assim, Swart diz que o chipset XR2 inclui recursos que você "realmente precisa para ter uma experiência XR com qualidade premium", como o suporte para câmeras que rastreiam olhos, lábios e espaço externo. Ele está "confiante" de que veremos dispositivos comerciais baseados na plataforma XR2 ainda em 2020, embora o surto de Coronavírus possa atrasar alguns produtos.

A realidade virtual e aumentada é frequentemente usada para vender 5G, uma vez que a internet super rápida poderia ajudar os dispositivos no processamento de conteúdo. Futuros dispositivos com esta tecnologia também podem ser menores e mais leves.

A Qualcomm promove a realidade virtual e a realidade aumentada especificamente para negócios. Na semana passada, sua parceira Nreal e a empresa de software Spatial anunciaram que oferecerão espaços de trabalho colaborativos baseados em realidade aumentada sobre 5G.

A Nreal deve lançar um par de óculos de realidade aumentada com preço de US$ 499 ainda este ano e a Niantic, desenvolvedora de Pokémon Go, aparentemente está trabalhando com a Qualcomm em um dispositivo deste tipo. Os óculos de realidade aumentada ainda não se popularizaram o bastante, mas a Qualcomm espera que seu design ajude com isso.

Fonte: The Verge
User img

Fabio Rosolen

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.

Multilaser H: celular manda bem em performance e design, mas tem espaço para melhorar

Multilaser H: celular manda bem em performance e design, mas tem espaço para melhorar

Câmera ainda precisa de aprimoramentos para fazer frente a modelos da Samsung e Motorola


Nova ferramenta da Google vai otimizar em até 40% GPUs da Qualcomm

Nova ferramenta da Google vai otimizar em até 40% GPUs da Qualcomm

Dispositivos com Snapdragon terão taxas de quadros mais altas e otimização da bateria


Nubia Red Magic 5G é lançado com tela de 144 Hz e Snapdragon 865

Nubia Red Magic 5G é lançado com tela de 144 Hz e Snapdragon 865

A competição no mercado de smartphones gamers está acirrada


Startup de realidade aumentada Magic Leap está à venda

Startup de realidade aumentada Magic Leap está à venda

Vendas fracas de headsets fazem empresa vender parte de seus negócios


Qualcomm está próxima de introduzir sistema C-V2X comercial na Europa

Qualcomm está próxima de introduzir sistema C-V2X comercial na Europa

Solução futurista de comunicação entre veículos vai deixar vias mais seguras