Preview do Android 11 possibilitará limitar acesso de apps a informações pessoais
Créditos: Reprodução

Preview do Android 11 possibilitará limitar acesso de apps a informações pessoais

Nova opção permitirá que aplicativos acessem dados sensíveis apenas uma vez

A próxima grande atualização da versão preview do Android 11 trará consigo diversas mudanças. Uma delas, focada na maior proteção dos dados pessoais, trará a possibilidade de permitir que aplicativos acessem informações, como dados de localização, apenas uma vez

Conforme é detalhado no blog Android Developers, o recurso “Only this time” englobará, além de informações de localização, dados mais sensíveis, como do microfone e da câmera do aparelho. Através dele, os usuários poderão conceder acesso temporário aos apps até que sejam encerrados. Quando forem abertos posteriormente, será solicitada uma nova permissão.

Créditos: Reprodução/ Android Developers

No Android 10 já havia sido introduzida a opção "Enquanto o aplicativo está em uso", que limita o acesso de aplicativos à localização em segundo plano. De acordo com o Google, metade dos usuários que tiveram acesso ao recurso passaram a utilizá-lo. 

O site Fast Company aponta uma tendência de mudança dos sistemas operacionais, voltada para uma maior proteção de dados pessoais. A Apple, por exemplo, adicionou ao iOS, ainda em 2019, uma opção semelhante. Tanto a empresa da maçã quanto o Google introduziram alertas no ano passado que lembram aos usuários quando aplicativos potencialmente “esquecidos” estão silenciosamente consumindo dados de localização em segundo plano.

20/02/2020 às 09:35
Notícia

Android 11 terá seis versões de teste antes do seu lançamento...

Três versões Developer Preview e três versões Beta

Por enquanto, a permissão “Only this time” estará disponível apenas na versão preview para desenvolvedores, e somente no Google Pixel

O release também traz várias atualizações para compatibilidade com novas tecnologias como melhor percepção da largura de banda e medição 5G, mais aprimoramentos para telas dobráveis, melhor decodificação de vídeo de baixa latência para serviços de streaming de jogos como Stadia e muito mais.

Via: Fast Company, The Verge Fonte: Android Developers
User img

Gabriel Tagarro

Formado em jornalismo pela Universidade Castelo Branco, é apaixonado por games desde 1994, quando ganhou um Master System. Joga de tudo um pouco, seja no PC ou no console. Ama tecnologia e escreve com prazer sobre tudo que a envolve.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.