Nova funcionalidade permite que drones façam missões de reconhecimento autônomas
Créditos: Banco de Imagens Pxhere

Nova funcionalidade permite que drones façam missões de reconhecimento autônomas

A configuração Scoutonomy permite que os drones da Exyn operem sem comunicação com piloto ou GPS

A fornecedora de drones, Exyn Technologies, divulgou ontem, 12/02, um vídeo apresentando uma nova configuração para operação dos drones criados pela empresa. No vídeo é mostrado um drone operando com essa configuração que a empresa chama de Scoutonomy, em que o equipamento consegue voar guiado apenas pelos dados captados pelos seus próprios sensores. Isso significa que o Scoutonomy pode eliminar a necessidade de um piloto ou de um sistema de GPS para guiar o robô, o que permitiria que ele voasse por lugares fechados, mesmo que perdesse o sinal de comunicação.

Como dá para ver no vídeo, a tecnologia é baseada em mapas tridimensionais que o drone cria com as informações captadas nos próprios sensores. O espaço em que o robô identifica um obstáculo se torna uma caixa laranja no mapa, enquanto os espaços que ainda não foram mapeados são caixas brancas. Dessa forma o drone consegue voar dentro de uma área fechada, desviando dos obstáculos e indo na direção das áreas que ainda não foram mapeadas. Outro aspecto divulgado pela Exyn é que com o Scoutonomy também é possível identificar pessoas e certos objetos, como carros.

Segundo a Exyn Technologies, o Scoutonomy permite que seus drones localizem sobreviventes em cenários de desastre de uma forma segura e rápida. Além disso ele também poderia ser utilizado para substituir soldados em certas missões. O CEO da Exyn, Nader Elm, disse que "Nós estamos muito orgulhosos da capacidade dos nossos robôs de identificar ameaças, reduzir riscos operacionais e salvar as vidas de soldados e civis em situações desconhecidas e voláteis".

Fundada em 2014, a partir do trabalho de pesquisa que era realizado em um laboratório da University of Pennsylvannia, nos Estados Unidos, a Exyn Technologies é uma startup que promete que seus drones tem aplicações em diversas áreas. Além desses usos para operações militares e de resgate, a companhia afirma que seus equipamentos - que eles mesmos anunciam como "robôs aéreos autônomos mais avançados do mundo" - também são úteis em indústrias mais cotidianas, como a da mineração e da construção civil.      

Via: The Robot Report, The Robot Report Fonte: Exyn Technologies, Exyn Technologies
User img

Vinícius Bressan

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.