Veja os processadores mais vendidos no Brasil em 2019 - AMD liderou

Veja os processadores mais vendidos no Brasil em 2019 - AMD liderou

Após anos ficando atrás, AMD finalmente passou a Intel no mercado nacional

Segundo dados da Receita Federal do ano de 2019, a AMD finalmente passou a Intel em vendas de processadores domésticos no segmento nacional. No total, a AMD importou para o Brasil 96.688 processadores, 15.142 unidades a mais do que sua concorrente Intel. Esse número representa 54,2% do total de modelos do hardware trazidos ao nosso país no ano passado.

O levantamento considera produtos importados por varejistas por métodos tradicionais de compra, ou seja, apenas importações oficiais que passam pela Receita Federal durante o ano passado. Ficam de fora da contagem processadores comprados por outros meio, como unidades compradas e trazidas do Paraguai ou qualquer outro método. Além disso, os dados não consideram a venda de processadores em notebooks, segmento praticamente dominado pela Intel.

AMD Ryzen 7 3700X em 6 games versus o Intel Core i9 9900K e 8700K, além do 2700X (Adrenaline)

A AMD passou muitos anos atrás da Intel, mas nos últimos tempos a empresa tem apostado em novas tecnologias, como os modelos Ryzen, e conquistado o mercado com produtos de maior desempenho e preços competitivos. A notícia publicada no site Adrenaline também ressalta outro fator para o sucesso da companhia: a estabilidade que a AMD tem com diferentes produtos de sua linha. É claro que a Intel possui produtos muito populares no mercado, mas não são todas as opções da empresa que se destacam nas vendas.

O Adrenaline também preparou alguns gráficos mostrando o número de importações para cada modelo de cada uma das fabricantes:

Segundo o gráfico, o modelo de maior sucesso da Intel vendeu muito mais unidades do que o de maior sucesso da AMD. O Intel Core i5-9400F vendeu 28.406 unidades, já o Ryzen 7 2700 chegou a vender 17.053 unidades.

Quando prestamos atenção em outros produtos do segmento, percebemos que a AMD mantém uma estabilidade, o que dá vantagem total para a empresa. Abaixo o comparativo dos três modelos mais importados de cada companhia:

Continua após a publicidade

Ivanir Sangaletti, da Movva, disse que "mesmo com a evolução da tecnologia (da AMD), é possível notar que algumas revendas ainda têm resistência em comprar, e até mesmo oferecer ao cliente final, uma solução com processador AMD". Especialistas do setor e envolvidos no mercado de hardware ainda apontam uma certa desconfiança com a AMD por conta de sua "má fama" no passado. Mesmo assim, os números estão mostrando uma virada otimista para a empresa.

Fonte: Adrenaline
User img

Mariela Cancelier

Mariela é jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina e gosta de jogos de luta e MOBAs. Foi estagiária do Adrenaline e Mundo Conectado e atualmente é redatora freelancer em ambos os sites.

O fim do CANAL do RATO BORRACHUDO e o Dilema das Redes Sociais

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.