Facebook pedirá que 2 bilhões de usuários revejam suas configurações de privacidade
Créditos: Facebook/ Reprodução

Facebook pedirá que 2 bilhões de usuários revejam suas configurações de privacidade

Iniciativa faz parte de projeto da empresa de dar às pessoas maior controle sobre suas informações

Envolvido em diversas polêmicas acerca do uso de dados privados, o Facebook tem manifestado nos últimos tempos uma preocupação cada vez maior com relação às informações pessoais de seus usuários. Em uma postagem no blog oficial da empresa, o CEO e fundador da companhia, Mark Zuckerberg, anunciou que a rede social pedirá a quase 2 bilhões de pessoas que revisem suas configurações de privacidade.

20/01/2020 às 16:22
Notícia

Facebook decidiu que não vai colocar anúncios na home do What...

Empresa encerrou os planos de propagandas no app por tempo indeterminado

Segundo o executivo, o objetivo principal é dar aos usuários um controle maior sobre a própria privacidade. De acordo com Zuckerberg, uma das maiores metas da companhia na próxima década consiste em criar camadas de proteção para estas informações. 

Nas “próximas semanas”, todos receberão uma notificação diretamente no feed de notícias solicitando que revejam suas configurações. Os usuários serão direcionados para a ferramenta Verificação de Privacidade, que foi atualizada recentemente. Com ela é possível ajustar, por exemplo, quem pode ver postagens e informações de perfil, ativar alertas de login e revisar as informações compartilhadas com os aplicativos em que foram feitos logins através do Facebook.

De acordo com Zuckerberg, também será disponibilizado de forma privada um resumo das atividades em outros sites que são enviadas pelas empresas ao Facebook com o objetivo de personalizar anúncios e torná-los mais relevantes. Usuários poderão apagar estas informações se julgarem conveniente. 

A empresa destaca ainda o lançamento do recurso Notificações de Login, que ajuda no acompanhamento de atividades da conta quando é feito login em aplicativos de terceiros.

Continua após a publicidade

Por fim, Zuckerberg ressalta que o Facebook seguirá com esta nova política de dados e atualizará seus usuários constantemente sobre o lançamento de novas ferramentas de privacidade.

Fonte: Facebook
User img

Gabriel Tagarro

Formado em jornalismo pela Universidade Castelo Branco, é apaixonado por games desde 1994, quando ganhou um Master System. Joga de tudo um pouco, seja no PC ou no console. Ama tecnologia e escreve com prazer sobre tudo que a envolve.

Conheça o Luna! O novo serviço de STREAMING de JOGOS da Amazon

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.