Toshiba cria algoritmo mais rápido em PCs normais do que similares em computação quântica
Créditos: Cisco

Toshiba cria algoritmo mais rápido em PCs normais do que similares em computação quântica

Empresa afirma que seu algoritmo de bifurcação simulada pode ser até dez vezes mais rápido

A Toshiba anunciou nessa semana que um de seus pesquisadores conseguiu criar um algoritmo inspirado na tecnologia de computação quântica, mas que consegue superar a velocidade desse tipo de supercomputador mesmo sendo usado por um computador desktop tradicional, um PC doméstico.

29/12/2019 às 11:50
Notícia

Cientistas teleportam dados entre dois chips via entrelaçamen...

Pesquisadores abrem caminho para comunicação mais rápida que a velocidade da luz

O algoritmo se chama Simulated Bifurcation Algorithm, que pode ser traduzido como "algoritmo de bifurcação simulada". Trata-se de um código de otimização combinatória, e o que ele faz é tentar extrair uma solução aproximada para um problema, num número grande de combinações possíveis. Ou seja, em vez de resolver o problema por completo, ele economiza tempo "prevendo" uma solução que faz sentido entre as centenas de opções.

O criador do algoritmo é Hayato Goto e ele vem trabalhando na ideia desde 2015. Trabalhando para a Toshiba em parceria com Kosuke Tatsumura ele conseguiu implementar essa versão do algoritmo que, segundo os pesquisadores, com peças de PC que você encontra em lojas, já dá pra superar a velocidade de algoritmos similares rodando em computadores quânticos.

Segundo relatam, o Simulated Bifurcation Algorithm conseguiu ser até dez vezes mais rápido do que um computador quântico baseado em laser em um dos testes.

É interessante notar não só o potencial de sistemas mais tradicionais de computação, mas principalmente a importância da criatividade humana na solução dos problemas computacionais futuros. Gigantes da tecnologia como Google, IBM e Intel têm investido pesadamente no futuro da computação quântica para tentar resolver problemas e modelos que levaria um tempo impraticável em supercomputadores do modelo tradicional. Mas o algoritmo de Goto prova que às vezes o caminho é seguir o ditado que vem do inglês: "work smarter, not harder" (trabalhe de um jeito mais inteligente, não mais pesado).

A Toshiba vai oferecer o Simulated Bifurcation Algorithm como um serviço que empresas podem contratar para usar em seus problemas computacionais de finanças, gerenciamento de redes sociais, de produtos de manufatura e etc.

Fonte: Tom's Hardware
User img

João Gabriel Nogueira

João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline e o Mundo Conectado, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.