Mauritânia usará drones para combater gafanhotos do deserto
Créditos: DroneDJ

Mauritânia usará drones para combater gafanhotos do deserto

Gafanhoto do deserto é descrito como a praga migratória mais perigosa do mundo

A Mauritânia está se preparando para testar drones para combater gafanhotos do deserto como parte dos esforços da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO) para reduzir os danos causados por estes insetos no noroeste da África.

16/12/2019 às 16:40
Notícia

FAA autoriza startup DroneSeed a plantar árvores com drones e...

Opção permite que reflorestamento seja mais rápido e seguro

Gafanhotos do deserto representam uma séria ameaça à segurança alimentar na região, e a esperança é que a tecnologia aérea forneça uma vantagem na luta contra estes insetos.

A segunda série de testes será realizada de 26 a 31 de janeiro, e deve ser usada para confirmar a durabilidade e a adaptabilidade dos drones em diferentes condições desérticas, de acordo com informações da agência de notícias Sahara Media.

Uma fonte disse à BBC que os drones “rastrearão e monitorarão os gafanhotos do deserto” e com isso será possível enviar alertas sobre os enxames antes que eles cheguem aos locais, o que possibilitará a execução de medidas apropriadas.  

A última série de testes, que foi anunciada oficialmente em setembro de 2019, representará uma "etapa crítica" no avanço da luta contra a praga de gafanhotos, disse Ahmedou Ould Bouh, secretário-geral do Ministério do Desenvolvimento Rural da Mauritânia.

Mauritânia usará drones para combater gafanhotos do deserto

Os testes anteriores foram realizados em 2018 depois que a FAO alocou 1,5 milhão de dólares para o comitê conjunto da FAO na África Ocidental para evitar danos causados por gafanhotos na região, de acordo com a então Ministra da Agricultura da Mauritânia, Lemina Mint El-Kotob Ould Momma.

Espera-se que os testes deste ano confirmem se as melhorias feitas nos drones demonstrarão sua usabilidade nas duras condições do deserto e abrirão o caminho para seu uso mais amplo na região. Espera-se também que os testes reforcem a capacidade de outros países da África Ocidental e melhorem a coordenação entre eles na luta contra os invasores.

O comitê conjunto da FAO na África Ocidental para evitar danos causados por gafanhotos foi criado em 2016 e inclui a Mauritânia, Argélia, Burkina Faso, Marrocos, Níger, Senegal, Chade, Líbia e Mali.

A FAO descreve o gafanhoto do deserto, ou schistocerca gregaria, como a "praga migratória mais perigosa do mundo, com um apetite voraz inigualável no mundo dos insetos".

Mauritânia usará drones para combater gafanhotos do deserto

Além dos drones, cinco equipes de 10 exploradores serão posicionadas em áreas onde gafanhotos podem se reproduzir, o que também ajudará com o impacto sobre os agricultores e comunidades. Estas equipes serão posicionadas nas áreas destacadas durante 21 dias e consistirão em membros da Argélia, Burkina Faso, Mauritânia, Marrocos, Níger, Senegal, Chade, Líbia, Mali e Tunísia.

Fonte: DroneDJ, BBC
User img

Fabio Rosolen

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.

Drone mostra mais de US$ 3,5 milhões em maconha apreendida na Austrália

Drone mostra mais de US$ 3,5 milhões em maconha apreendida na Austrália

Plantação foi descoberta em uma propriedade de 20.000 acres


Austrália introduzirá o registro e credenciamento de drones

Austrália introduzirá o registro e credenciamento de drones

O registro precisará ser renovado a cada 12 meses


Imagens capturadas com drones mostram cidades do mundo todo em quarentena

Imagens capturadas com drones mostram cidades do mundo todo em quarentena

Rodovias, ruas e praças antes extremamente movimentadas estão vazias


Astrofísico Neil deGrasse Tyson fala sobre drones de corrida em seu podcast

Astrofísico Neil deGrasse Tyson fala sobre drones de corrida em seu podcast

O piloto Nurk e o engenheiroJustin Pearce foram convidados para falar sobre o assunto


Drones da DJI serão utilizados em atendimentos emergênciais

Drones da DJI serão utilizados em atendimentos emergênciais

Fabricante de drones anunciou parceria com a empresa Rosenbauer, especializada no combate a incêndios