Pixel 4 XL e Redmi Note 7 são considerados os celulares mais frágeis de 2019
Créditos: JerryRigEverything/YouTube

Pixel 4 XL e Redmi Note 7 são considerados os celulares mais frágeis de 2019

Ranking foi feito por JerryRigEverything, YouTuber que esta durabilidade dos dispositivos

O popular YouTuber JerryRigEverything divulgou a sua lista com os destaques e as decepções de 2019 no mundo dos smartphones. Como o seu canal é centrado em testes de durabilidade, o destaque fica para a decisão de quais são os celulares mais frágeis do ano passado: Google Pixel 4 XL e Xiaomi Redmi Note 7.

17/10/2019 às 23:28
Notícia

Desmonte do ROG Phone II mostra que saída de ar traseira não ...

Teardown mais famoso da internet revela que peça está ali principalmente pelo visual

Durante o teste com o dispositivo de entrada da Xiaomi, o apresentador do canal foi capaz de dobrar o aparelho com as suas próprias mãos. Essa não foi a primeira vez que um dispositivo da linha falhou na prova, já que o Redmi Note 3 também se quebrou no teste de flexão. O Redmi Note 5, por sua vez, acabou sobrevivendo, o que mostra uma inconsistência através das gerações.

O Pixel 4 XL teve o mesmo infeliz destino que o Xiaomi baratinho, dobrando apenas com o esforço das mãos do YouTuber. No caso do smartphone da Google, o problema estava no posicionamento das linhas de antenas do dispositivo, que não possuíam nenhum reforço estrutural. Isso criou quatro pontos frágeis no corpo do celular.

Fonte: JerryRigEverything/YouTube

Outros modelos também entraram como menções desonrosas na lista. O primeiro deles é o Royole Flexpai, smartphone dobrável que não possui qualquer opção de ser reparado caso quebre. O Samsung Galaxy Fold e o OnePlus 7T também foram notados pela sua relativa fragilidade.

Fonte: JerryRigEverything/YouTube

Do outro lado do espectro está o Google Pixel 3A, que foi eleito o celular mais resistente de 2019. Sua estrutura robusta com traseira em plástico e a facilidade com a qual ele pode ser consertado contaram como os principais pontos positivos para o celular intermediário.

Continua após a publicidade
Via: GizChina
User img

Carlos Felipe

Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou parao PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.