Xiaomi bate recorde e vende mais de 10 milhões de smart TVs em 2019
Créditos: Gizmochina/Reprodução

Xiaomi bate recorde e vende mais de 10 milhões de smart TVs em 2019

Empresa espera atingir a marca novamente em 2020

A Xiaomi compartilhou seu relatório de vendas no dia 30 de dezembro, revelando ter vendido mais de 10 milhões de unidades de Smart TVs. Com isso, a empresa superou as concorrentes na China, Skyworth, Hisense, TCL e outras não conseguiram acompanhar o ritmo da empresa também muito conhecida por seus smartphones. Segundo Lei Jun, através da Weibo, rede social favorita dos chineses, este é um recorde, algo que entra para a história da indústria de televisores sobretudo na China. E mesmo que esta tenha sido uma marca nova, não quer dizer que ela não pode se repetir, o cofundador da Xiaomi chega a chamar para uma aposta aqueles que duvidam da marca para o próximo ano.

Com seu início na área de smart TVs em 2013, hoje a Xiaomi é líder no mercado na China, de acordo com o gerente geral do departamento de TV da Xiaomi. Jiang Cong, gerente geral de vendas e operações da Xiaomi, também utilizou a Weibo para expressar sua gratidão com a marca atingida. Cong comenta que a empresa está feliz em ter alcançado esta meta, ele também comenta que as vendas continuam estáveis, o que significa que a Xiaomi pode manter sua posição no topo em 2020.

Xiaomi lançará panela elétrica de arroz
Mijia Rice Cooker C1 por cerca de US$ 18

Apesar de ser muito conhecida aqui no Brasil por seus celulares, as smart TVs da Xiaomi também ganham muito destaque mundo afora. Na Índia, a empresa também é líder, vendendo mais smart TVs que LG, Sony e Samsung, grandes fabricantes de nome e tradição. Ela tem 33% do mercado no país e segue fazendo investimentos para conseguir uma fatia ainda maior. Um dos grandes motivos para conseguir se manter líder está no fato de fazer constantes atualizações dos modelos de televisores e também oferecer preços mais baixos que os da concorrência. Além de TVs e smartphones, ela também vende diversos tipos de gadgets, como pulseiras e relógios inteligentes, impressoras, e diversos outros dispositivos curiosos.

Via: Gizmochina Fonte: TechSina

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.