Huawei quer ter alternativa a apps do Google dentro de 8 dias
Créditos: Huawei

Huawei quer ter alternativa a apps do Google dentro de 8 dias

Mesmo assim, novo smartphone da Honor virá com o Google Mobile Services

A Huawei estaria buscando desenvolver alternativas ao Google Mobile Services (GMS), pacote de aplicativos considerado essencial para o Android – que inclui Maps, Google Drive e Gmail. De acordo com o Economic Times, a fabricante tem trabalhado de maneira próxima com desenvolvedores da Índia para criar alternativas próprias e esses apps – com eles vindo instalados por padrão.

23/12/2019 às 15:28
Notícia

EMUI 10 já está presente em 10 milhões de smartphones da Huawei

Atualização baseada no Android 10 começou a ser disponibilizada em setembro deste ano.

O motivo para isso, é claro, está na instabilidade das relações comerciais entre Estados Unidos e China, que ainda em 2019 fizeram a Huawei ser proibida de instalar software proprietário da Google em seus smartphones.

"Nós temos os nossos próprios HMS (Huawei Mobile Services) e estamos tentando criar um ecossistema mobile. A maioria dos aplicativos-chave como navegação, pagamentos, jogos e mensagens estarão prontos até o final de dezembro".
CEO da Huawei e da Honor na Índia, Charles Peng

Fonte: Huawei

A Google possui um amplo e diversificado ecossistema de aplicativos que vêm pré-instalados no Android, incluindo: Google Play Games, Maps, Gmail, Pay, YouTube e Play Store. A Huawei busca criar alternativas para todos esses apps. Para isso, a fabricante chinesa está negociando com os desenvolvedores dos 150 aplicativoss mais relevantes da Índia.

"Nós iremos criar um modelo de negócios de ponta-a-ponta com os desenvolvedores e os provedores de serviços e de conteúdo. Nós iremos proporcionar valor para eles".
CEO da Huawei e da Honor na Índia, Charles Peng

A ideia é de que esses aplicativos alternativos sejam disponibilizados na Huawei App Gallery, que é a alternativa da empresa para a Google Play Store. A empresa está oferecendo pesados incentivos para desenvolvedores indianos que queiram integrar os seus aplicativos com o Huawei Mobile Services através de um fundo de US$ 1 bilhão (R$ 4 bilhões) que foi criado com o propósito de substituir o GMS.

Enquanto isso, porém, o CEO da Honor e da Huawei na Índia, Charles Peng, já confirmou que o próximo smartphone da Honor virá com os Google Mobile Services.

Via: GSMArena Fonte: Economic Times
User img

Carlos Felipe

Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou parao PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.

Huawei P40 Lite com Kirin 810, quatro câmeras e sensor de 48MP é lançado por US$ 325

Huawei P40 Lite com Kirin 810, quatro câmeras e sensor de 48MP é lançado por US$ 325

Ele vem com o Android 10 com interface EMUI 10 e não traz os aplicativos do Google


LG V60 ThinQ 5G é lançado com Snapdragon 865, novo sistema de duas telas e bateria de 5.000mAh

LG V60 ThinQ 5G é lançado com Snapdragon 865, novo sistema de duas telas e bateria de 5.000mAh

Ele vem com o Android 10 personalizado com a interface LG UX 9.0


Google solicita isenção ao governo dos EUA para trabalhar com Huawei

Google solicita isenção ao governo dos EUA para trabalhar com Huawei

Microsoft é uma das empresas que já recebeu autorização


Google pede para usuários trocarem o novo navegador Microsoft Edge pelo Chrome

Google pede para usuários trocarem o novo navegador Microsoft Edge pelo Chrome

Microsoft Edge baseado no Chromium foi lançado em janeiro deste ano


Celular com Snapdragon 865 é lançado na Índia com modem 5G desativado

Celular com Snapdragon 865 é lançado na Índia com modem 5G desativado

Pague por um modem 5G que você nunca poderá usar, graças ao design do chip da Qualcomm