Apple, Google e Amazon se juntam para criar linguagem unificada para IoT
Créditos: Pexels

Apple, Google e Amazon se juntam para criar linguagem unificada para IoT

Elas trabalharão com a Zigbee Alliance para garantir que aparelhos conversem entre si

A Amazon, a Apple e o Google se juntaram para criar uma associação com o intuito de permitir que os dispositivos de Internet das Coisas (IoT) se comuniquem entre si. A organização será responsável por criar uma linguagem de programação unificada entre os gadgets de empresas concorrentes. Para isso, eles irão colaborar com a Zigbee Alliance.

20/12/2019 às 17:59
Notícia

Apple estaria desenvolvendo satélite para se tornar independe...

Equipe secreta da empresa pode estar por trás da tecnologia

Além disso, as três companhias — que estão entre as maiores do mercado de assistentes de voz — trabalharão em conjunto para fazer com que os aparelhos sejam mais seguros de usar e fáceis de configurar. Os membros da Zigbee Alliance incluem empresas como Samsung, Somfy e IKEA.

Site oficial: Apple HomePod

Site oficial: Amazon Echo Dot

Fonte: Apple

Continua após a publicidade

De acordo com o site Ad Age, a Apple e a Google já trabalham com sistemas relativamente abertos. Com isso, já é possível conectar dezenas de milhares de dispositivos de terceiros aos alto-falantes inteligentes com Google Assistente e com Amazon Alexa.

Site oficial: Google Nest Mini

Por outro lado, a Apple suporta apenas algumas centenas de gadgets através do seu padrão HomeKit. O que não causou problemas até agora, já que se trata de um mercado ainda emergente no momento. Mas a expectativa é de que o mercado de dispositivos inteligentes para casa cresça para valer US$ 174,2 bilhões em 2025. Para se ter uma perspectiva, esse valor era de US$ 55,7 bilhões em 2016.

Fonte: Pexels

Só que essa aliança já começa a levantar suspeitas sobre a privacidade e a segurança dos usuários. Afinal, a Google e a Amazon coletam dados de todo mundo que usam alto-falantes inteligentes para acender uma lâmpada ou trancar uma morda. As empresas também sugerem que fabricantes de gadgets como a Logitech enviem dados toda vez que alguém executar uma ação.

Via: Ad Age
User img

Carlos Felipe

Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou parao PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

TUDO que o NVIDIA BROADCAST consegue fazer!

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.