Samsung volta atrás e nega ter vendido 1 milhão de unidades do Galaxy Fold
Créditos: Samsung

Samsung volta atrás e nega ter vendido 1 milhão de unidades do Galaxy Fold

Número de vendas foi confirmado pelo presidente da empresa no TechCrunch Disrupt

[Atualização 13/12/19]

O anúncio sobre o milhão de unidades vendidas do Galaxy Fold fez barulho ontem, dia 12 de dezembro, mas parece que a informação não estava certa. Um representante oficial da Samsung deu uma nova declaração à Yonhap News Agency negando os números divulgados pelo presidente da sul-coreana, Sohn Young-kwon, durante a TechCrunch Disrupt em Berlin.

De acordo com esta pessoa, a empresa vendeu 500.000 aparelhos Galaxy Fold desde o seu lançamento. A justificativa para o erro foi que o presidente da Samsung pode ter misturado os números de outros aparelhos que a sul-coreana pretende enviar ou vender.


Young Sohn, presidente da Samsung, revelou hoje durante o TechCrunch Disrupt Berlin, que a empresa já vendeu 1 milhão de unidades do smartphone dobrável Galaxy Fold. Estimativas de outubro indicavam oque as vendas ficariam em torno de 500.000 unidades.

05/09/2019 às 19:31
Notícia

Samsung Galaxy Fold volta às lojas com design reforçado e con...

A fabricante promete que os problemas de design do modelo original foram corrigidos

Este número de vendas foi atingido mesmo com o preço um pouco elevado, cerca de US$ 2.000, e mesmo depois dos problemas iniciais que o aparelho teve com sua tela. Os problemas acabaram obrigando a Samsung a adiar o lançamento do aparelho para setembro.

A conversa com o presidente da Samsung no Disrupt Berlin teve como foco o crescimento e a inovação. Sohn comentou sobre o número de vendas ao explicar o processo da Samsung de lançar produtos para obter feedback. Ele disse que, em parte, se eles mantivessem dispositivos como o Fold em laboratórios, eles não receberiam o feedback de que precisavam.

O primeiro smartphone dobrável da Samsung foi anunciado durante o Mobile World Congress 2019. Ele foi lançado em abril e os problemas começaram a aparecer: rachaduras na tela que apareciam na área da dobra, telas que paravam de funcionar após pouco tempo de uso e outros.

Samsung já vendeu 1 milhão de unidades do Galaxy Fold em todo o mundo

A empresa agiu logo para solucionar os problemas e realizou algumas alterações em seu design para garantir maior durabilidade. Ela também aproveitou este tempo para atualizar o aparelho com outras tecnologias, incluindo a adição da conectividade 5G. Com o redesign concluído, o Galaxy Fold voltou ao mercado em setembro.

O Samsung Galaxy Fold vem com processador Snapdragon 855, GPU Adreno 640, 12GB de memória RAM e 512GB de capacidade para armazenamento. O smartphone dobrável possui 6 câmeras e suporte opcional para conectividade 5G. O modelo com 5G vem com bateria de 4.235mAh, enquanto o modelo com 4G vem com bateria de 4.380mAh.

Rumores recentes indicam que a empresa já está trabalhando no Galaxy Fold 2, que usará um material diferente do usado pelo Fold original para a tela do aparelho. Além do novo material para a tela, o suposto Fold 2 também pode ter um preço mais acessível – ficando próximo de US$ 1.500.

Fonte: TechCrunch, Yonhap News Agency
User img

Fabio Rosolen

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.

Samsung Galaxy S20 Ultra 5G

Samsung Galaxy S20 Ultra 5G

Confira a ficha técnica


Samsung Galaxy S20+ 5G

Samsung Galaxy S20+ 5G

Confira a ficha técnica


Linha Galaxy S20 tem todas as especificações vazadas! Confira a lista!

Linha Galaxy S20 tem todas as especificações vazadas! Confira a lista!

Os aparelhos devem ser revelados oficialmente no Unpacked do dia 11 de fevereiro


Samsung Galaxy S20+ suportará gravação de vídeos com resolução 8K e 30 fps

Samsung Galaxy S20+ suportará gravação de vídeos com resolução 8K e 30 fps

Gravação de vídeo em 4K com 60 fps também será suportada


Samsung Galaxy Fold já está disponível no Brasil por R$12.999

Samsung Galaxy Fold já está disponível no Brasil por R$12.999

Esse é o primeiro smartphone dobrável a ser vendido oficialmente no Brasil