China ordena substituição de PCs e softwares estrangeiros usados no país
Créditos: Getty Images

China ordena substituição de PCs e softwares estrangeiros usados no país

Medida afeta PCs e softwares estrangeiros usados em escritórios governamentais e instituições públicas

A novela da guerra comercial entre China e Estados Unidos ganhou seu mais novo capítulo: de acordo com o Financial Times, o governo chinês ordenou que todos os PCs e softwares estrangeiros usados em escritórios governamentais e instituições públicas sejam substituídos por soluções preferencialmente locais nos próximos três anos. Isto afetará negativamente empresas como a Microsoft, Google Dell HP e outras.

24/08/2019 às 08:59
Notícia

Trump anuncia aumento de 25% para 30% nas tarifas de produtos...

Guerra comercial entre os países continua e derruba bolsas de valores ao redor do mundo

A China quer ver seu governo e instituições públicas usando produtos de marcas locais, incluindo Huawei, OPPO e outras — e é uma reação retaliatória aos problemas recentes envolvendo suas relações com a administração Trump e o governo dos EUA.

O governo dos Estados Unidos não quer que empresas americanas façam negócios com a Huawei, e agora temos Pequim ordenando que seus funcionários parem de usar hardware e software estrangeiros.

Um dos pontos da controvérsia entre EUA e China é a implantação 5G em todo o mundo proveniente da Qualcomm, com sede nos EUA, e da Huawei, com sede na China. No início deste ano, a administração Trump disse que queria hardware 5G projetado e fabricado fora da China.

Além disso, temos as guerras comerciais entre a administração do presidente americano e a China (que acabou afetando os preços do hardware para PCs em até 25%), e as recentes acusações alegando que a China estava colocando chips para espionagem em placas-mãe da Super Micro.

China ordena substituição de PCs e softwares estrangeiros usados no país

O artigo do Financial Times afirma que analistas na China Securities estimam que as ordens de Pequim resultarão em 20 a 30 milhões de dispositivos que precisam ser substituídos. Os analistas dizem que cerca de 30% serão substituídos em 2020, 50% em 2021 e os 20% restantes serão substituídos em 2022.

As ordens para substituição de PCs e softwares vieram diretamente do Escritório Central do Partido Comunista Chinês "no início deste ano", e embora os documentos relacionados sejam confidenciais, funcionários de duas empresas de segurança cibernética disseram ao Financial Times que seus clientes do governo também descreveram a ordem. Os funcionários pediram para permanecer anônimos, já que as informações são politicamente sensíveis.

Fonte: TweakTown
User img

Fabio Rosolen

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.

Play Store deleta 98% dos aplicativos que espiam textos e ligações no Android

Play Store deleta 98% dos aplicativos que espiam textos e ligações no Android

Google anunciou o banimento de apps considerados maliciosos


Segunda atualização do Windows tem bug que esconde perfis dos usuários

Segunda atualização do Windows tem bug que esconde perfis dos usuários

Update KB4532693 é o responsável pelo erro, que pode ser corrigido desinstalando-o


Google revela Android 11 na internet por acidente

Google revela Android 11 na internet por acidente

Página já foi tirada do ar, mas mostrou alguns destaques da nova versão


Imagem renderizada mostra possível design do Google Pixel 5 XL

Imagem renderizada mostra possível design do Google Pixel 5 XL

Imagem é aparentemente baseada em um dos três protótipos iniciais


Mi 10 e o Mi 10 Pro são os novos celulares high-end da Xiaomi - confira nosso resumo!

Mi 10 e o Mi 10 Pro são os novos celulares high-end da Xiaomi - confira nosso resumo!

108MP, Snapdragon 865 e 5G: comentamos os principais destaques num vídeo rápido