Vendas do Magic Leap decepcionam e novo modelo pode estar há anos de distância
Créditos: Magic Leap

Vendas do Magic Leap decepcionam e novo modelo pode estar há anos de distância

Empresa estaria trabalhando em 5G e opções de cores para nova geração, mas sem previsão de lançamento

O óculos de realidade aumentada Magic Leap foi lançado no ano passado com muita hype principalmente por causa do envolvimento de grandes nomes da tecnologia com o projeto. Mas, informações não confirmadas e rumores estão aparecendo afirmando que a primeira geração do headset passou longe de alcançar sua meta de sucesso e que isso pode atrasar bastante o lançamento da próxima.

Segundo rumores publicados pelo The Information e reportados também pelo The Verge, o Magic Leap teria conseguido vender apenas mais ou menos 6.000 unidades, enquanto a expectativa da empresa era conseguir emplacar pelo menos 100.000 vendas. Mesmo com o óculos saindo pelo preço sugerido de US$ 2.295.

A empresa estaria planejando levar 5G, novas opções de cores e um hardware menor e mais leve para a segunda geração do Magic Leap, que poderia se chamar Magic Leap Two, mas agora, de acordo com os rumores, eles vão primeiro trabalhar num update com mudanças leves em breve, enquanto o projeto de uma nova geração propriamente dita vai demorar bem mais tempo.

29/01/2018 às 12:16
Artigo

Afinal, o que é Realidade Aumentada?

Entenda o conceito desta tecnologia e como promete mudar nossas vidas

Outros rumores trazidos pelo The Information afirmam que dois nomes importantes saíram da mesa de diretores do Magic Leap, sem fazer alarde. Teriam sido eles ninguém menos que Sundar Pichai, o CEO da Google, e Paul Jacobs, ex-diretor executivo da Qualcomm. Os motivos para a saída deles, no entanto, não teriam a ver com a performance do Magic Leap, mas sim com suas agendas pessoais. No caso de Pichai, ele teria sido substituído por outra executiva da Google, Jennifer Fitzpatrick, mostrando que a gigante da tecnologia ainda acredita no potencial do headset.

O pessoal do Magic Leap chegou a comentar sobre a reportagem do The Information, afirmando que ela estava "cheia de informações incorretas e declarações que induzem ao erro". A empresa, no entanto, não fez ainda uma declaração oficial esclarecendo como anda o desenvolvimento de uma segunda geração do Magic Leap e se considera, ou não, o lançamento do primeiro um sucesso.

Via: The Verge Fonte: The Information
User img

João Gabriel Nogueira

João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline e o Mundo Conectado, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.

Espelho inteligente Forme Life é a nova solução para se exercitar na quarentena

Espelho inteligente Forme Life é a nova solução para se exercitar na quarentena

Gadget vem com um sistema de treinamento baseado em pesos e funções para acompanhar seu exercício


YouTube começa a testar o Shorts, novo rival do TikTok

YouTube começa a testar o Shorts, novo rival do TikTok

A novidade começou a chegar para alguns usuários do aplicativo


Resultados de testes do COVID-19 também serão entregues via smartphone

Resultados de testes do COVID-19 também serão entregues via smartphone

Ministério da Saúde está investindo no aplicativo Coronavírus-SUS, que tem atendimento automático, informações verificadas, alertas de surtos e mais


Feiyu Pocket chega com câmera 4K60fps para brigar com DJI OSMO Pocket

Feiyu Pocket chega com câmera 4K60fps para brigar com DJI OSMO Pocket

Gadget também é mais barato e traz algumas diferenças importantes de seu concorrente


Quarentena em todo o mundo muda movimentação da crosta terrestre

Quarentena em todo o mundo muda movimentação da crosta terrestre

Geocientistas se aproveitam de diminuição do ruído sísmico para coletar dados mais precisos