Análise: Motorola Moto G8 Play - vale a pena o modelo mais baratinho Moto G?

Análise: Motorola Moto G8 Play - vale a pena o modelo mais baratinho Moto G?

Aparelho traz um bom balanço entre recursos e preço, mas não se sobressai

O Motorola Moto G8 Play é o modelo mais modesto da geração Moto G8. É um aparelho que busca trazer por um preço competitivo um bom nível de qualidade, com uso de componentes do segmento de entrada e intermediário. 

Especificações técnicas

Preços

Preço no lançamentoR$ 1.099,00 01/10/2019R$ 1.299,00 05/06/2019R$ 1.499,00 02/09/2018R$ 1.599,00 01/05/2019
Preço atualizadoR$ 967,00 06/12/2019R$ 739,00 26/12/2019R$ 959,00 26/12/2019R$ 876,00 26/12/2019

Ficha Técnica

FabricanteMotorola Samsung Asus Motorola
Site oficialLinkLinkLinkLink

Display

Tamanho6,2 polegadas6,4 polegadas6 polegadas6,2 polegadas
Resolução720 x 1520, 271 ppi 720 x 1560 2160x1080 1080 x 21602270, 405 ppi
TecnologiaIPS LCD Super AMOLED IPS LCD LTPS IPS LCD
ProteçãoGorilla Glass 3

Câmera

TraseiraTripla 13MP + 8MP + 2MP 13MP + 5MP 13MP + 5MP Dupla 12MP + 5MP
Vídeos2160p/30fps; 1080p/60fps [email protected] [email protected]; [email protected] 2160p/30fps; 1080p/60fps
Frontal8MP 8MP 8MP 8MP
DetalhesTraseiras: wide f/2.0 PDAF, ultra-wide f/2.2, câmera de profundidade f/2.2 Abertura de f/1.9 e f/2.2 na traseira, abertura de f/2.0 câmera frontal Abertura de até ƒ2.0, autofoco por detecção de fase, flash LED Traseiras 12 MP, f/1.8, 1.25µm, PDAF + 5 MP, f/2.2, depth sensor

Especificações

Sistema OperacionalAndroid 9 (Pie) Android 9.0 (Pie) Android 8.1 Android 9 (Pie)
ProcessadorMediatek MT6771 Helio P70M Exynos 7884 Qualcomm Snapdragon 636 Qualcomm Snapdragon 632
Número de núcleos8 8 8 8
Clock2.0 GHz 2x 1.6 GHz Cortex-A73 e 6x 1.35 GHz Cortex-A53 1.8GHz 1.8 GHz
GPUMali-G72 MP3 Mali-G71 MP2 Adreno 509 Adreno 506
Memória RAM2 GB3 GB3 GB4 GB
Armazenamento interno32 GB32 GB32 GB64 GB
Cartão microSDAté 512GB Até 512GB até 2TB Até 512GB
Bateria4000 mAh4000 mAh5000 mAh3000 mAh
Dimensões157.6 x 75,4 x 9 mm158.4 x 74.7 x 7.8 mm159 x 76 x 8,4 mm157 x 75,3 x 8 mm
Peso183,6 g169 g180 g172 g
Portas de conexãoUSB-C USB Tipo-C Micro USB USB-C
REDELTE 4G LTE LTE
Tipo de cartão SIMDual Nano SIM Nano SIM Nano SIM Dual Nano SIM

Recursos

Leitor de DigitalSIM SIM SIM SIM
ResistênciaNÃO NÃO NÃO NÃO
RadioSIM SIM SIM SIM
Bluetooth4.2 5.0 5.0 4.2
Carregamento sem fioNÃO NÃO NÃO NÃO
NFCNÃO NÃO NÃO NÃO
GPSA-GPS, GLONASS, GALILEO SIM SIM A-GPS, GLONASS, GALILEO

Design e Tela

O Moto G8 Play tem um design bem comum no mercado: lateral com um acabamento metalizado e traseira com um efeito espelhado, porém curiosamente não temos metal ou vidro por aqui: o material é plástico. Apesar de não ter ocorrido a troca dos materiais, ainda assim é perceptível que o visual do aparelho mais baratinho da família Moto G ficou mais atraente.

Dá para copiar e colar as características do visual do Moto G8 Play de muitos dos modelos do mercado. A tela ocupa boa parte da área frontal, e para resolver o problema da câmera frontal temos um entalhe no formato gota no topo da tela. Na parte inferior temos a caixa de som e uma conexão USB Tipo-C, enquanto no topo temos o conector P2. Tudo isso moderniza o aparelho e resultam em um smarpthone superior ao modelo anterior.

Uma novidade dessa geração foi o reposicionamento das câmeras, saindo daquele formato "calota" no meio da traseira como era feito nas gerações anteriores passando para a lateral superior esquerda. Na prática isso muda pouco as coisas, mas tem a vantagem de dar a área central apenas para o sensor de digitais, reduzindo aqueles acidentes que você enfiava o dedo na lente e acabava sujando ela.

O visual do Moto G8 Play foi melhorado, e está em um bom patamar de qualidade

A tela do tipo IPS LCD está naquele patamar "meio médio". Tem uma qualidade suficiente para garantir um uso confortável do smarphone, com grau suficiente de saturação de cores, contrastes e brilho para uma experiência positiva, mas não vai muito além disso, com um balanço de cores e uma vivacidade da imagem apenas regular, perdendo para alguns eventuais modelos com AMOLED que já surgem nessa faixa de preço. O brilho também pode não ser suficiente em locais excessivamente iluminados como sob o sol forte. Graças ao uso de IPS ela tem bons ângulos de visão. 

Algo que me desagradou durante os testes foi a facilidade com que a tela riscou em nosso período de uso. Apesar de incluir uma capinha emborrachada na caixa, uma adição que sempre acho bem-vinda para qualquer smartphone, não há uma película para a tela, e como fazemos com muitos aparelhos de testes, não usamos nada para protegê-la. Em pouco tempo surgiram várias riscos pequenos, naturais do uso, algo que mostra que não há uma boa proteção no vidro do display e que definitivamente você deve buscar uma película para esse aparelho. Isso é negativo considerando que tem rivais com o Galaxy A20 nessa faixa de preço e com proteção Gorilla Glass 3.0.

Performance

O Moto G8 Play traz as economias de um modelo de entrada, então por isso traz um processador Mediatek Helio P70M com 2GB de memória RAM e 32GB de armazenamento. É um conjunto que tem performance satisfatória para um uso cotidiano leve, porém a quantidade de memória RAM pode se tornar um problema se você faz um uso muito intenso de múltiplas aplicações e alterna entre elas com frequência. Para manter tudo em ordem com 2GB, o Moto G8 Play fecha aplicativos em desuso, e ao voltar para um app anterior tem boas chances de ser preciso esperar ele carregar novamente.

O Moto G8 Play tem desempenho para uso cotidiano leve, mas não vai muito longe em uso mais intensos ou em games

 

Na parte de gráficos, temos aqui o Mali-G72 MP3, um chip que tem performance suficiente para encarar games em uma qualidade moderada. O PUBG Lite, por exemplo, pode ser jogado em qualidade média. Outros games também rodaram, como Call of Duty Modern Warfare, que também sugeriu ajuste médio, Pokemon Go e Mario Kart. Ao longo dos testes, porém, a quantidade de RAM e também a performance do processador e chip gráfico causam alguns engasgos de tempos em tempos, não o suficiente para impossibilitar seu uso em jogo, mas que impactam na experiência, então quem vai focar em games deve ficar de olho em um modelo com hardwares mais potentes.

Autonomia

O Moto G8 Play seguiu uma tendência relevante de mercado: o aumento do tamanho da bateria. Ele possui 4000 mAh, uma quantidade excelente e que combinada com os hardwares de entrada e baixo consumo fazem esse aparelho se sair muito bem na duração de bateria.

Um dos pontos mais positivos do Moto G8 Play é sua excelente duração de bateria

 

Em nossos testes dá pra passar dois dias inteiros sem precisar do carregador, com estimativas do app AccuBattery indicando que ele fica até 11h30min com a tela acesa, um ótimo resultado, e o uso combinado, aquele que alterna momentos ociosos com usos do aparelho, chegam a 43 horas, novamente algo excelente.

Felizmente a Motorola não tem o hábito de economizar no carregador, e por conta disso o Moto G8 Play conta com um carregador rápido na caixa. Em nossos testes, conseguimos recarregar 14% em 15 minutos na energia, um bom resultado principalmente levando em conta que a bateria é ampla e que isso aumenta o tempo necessário para carregá-la. Dada a boa autonomia do aparelho, uma recarga rápida deve ser suficiente para trazer a carga necessária para finalizar o dia de uso.

Câmera

O Moto G8 Play também entrou na tendência de mercado de mais e mais câmeras, mesmo sendo um modelo onde o custo dos componentes é crítico. Temos uma câmera principal de 13 megapixels grande-angular, acompanhada com uma de 8 megapixel com o enquadramento ultra-grande-angular e por fim uma câmera de apenas 2 megapixels usada para trazer informações de profundidade e gerar efeitos de desfoque do fundo, tão populares atualmente.

Mesmo sendo um modelo com foco no custo, a Motorola equipou o G8 Play com câmeras adicionais

 

Mas chega de especificações. O que temos quando clicamos com o G8 Play? Não muito longe do que vemos nesse segmento de aparelhos com custo mais limitado. Em condições ideais ele até entrega algo interessante, mas qualquer iluminação mais desfavorável ou mesmo segurar o aparelho de forma displicente pode resultar em fotos desfocadas, com baixa nitidez, cores lavadas, etc.

Em situações muito escuras, esteja pronto para aquele desastre de aparelhos de entrada. Com ou sem flash, a imagem final perde praticamente toda informação relevante de definição, cores e contrastes, e fica dominada pela granulação de um ISO muito elevado.

A câmera ultra-grande-angular tem alguns resultados interessantes se usada em momentos adequados, especialmente em locais bem-iluminados. Em todas as outras situações, sua abertura menor que a da câmera principal agrava os defeitos que mencionamos anteriormente, então melhor dar preferência para a câmera principal (que nem é das melhores) para esses momentos.

Considerando os resultados das câmeras traseiras, até que a câmera frontal não se sai muito mal, entregando um nível de qualidade aceitável com boas cores e e definição. Porém, novamente, situações mais adversas vão resultar em fotos de qualidade bastante baixa. No geral o Moto G8 Play tem um resultado apenas regular em locais bem iluminados e nem isso em locais um pouco mais escuros, sendo que modelos de rivais como a Samsung ou Xiaomi entregando resultados melhores nesse segmento de preço. 

Recursos e Extras

A Motola já consolidou usa postura de modificar muito pouco no sistema da Google, entregando o chamado "Android Puro". As interfaces estão praticamente inalteradas comparado ao sistema padrão, com poucas adições nos menus, nos apps instalados e em funcionalidades.

As funcionalidades incluídas pela empresa estão entre algumas das mais interessantes e são muito bem-vindas. Entre as principais estão algumas já bem conhecidas pelos consumidores de produtos da linha Moto, como o Moto Tela, que acende o display para mostrar informações como hora, restante de bateria e notificações, além de gestos como torcer o pulso para abrir a câmera e chacoalhar para acender o LED e usar como lanterna. Todas são bem intuitivas e operam muito bem no Moto G8 Play.

Conclusão

O Moto G8 Play é um competente celular intermediário. Faz uma série de economias mas mantém um nível de qualidade suficiente para garantir um bom uso do aparelho nas atividades cotidianas, com performance suficiente, um display com boa definição e cores, além de câmeras que... fazem fotos.

{notas}

O problema é que ele rapidamente não dá conta se você tenta ir um pouco além. A performance em games é aceitável, mas dá algumas engasgadas que não vão agradar quem está buscando games competitivos. A câmera mostra rapidamente suas deficiências em qualquer situação um pouco mais adversa.

Esse aparelho é uma indicação fácil para quem quer um bom celular mas não é exigente. Ele vai atender bem ao consumidor com esse perfil, porém há um critério crítico: o preço. Os R$ 1099 de preço sugerido que foi anunciado não fazem sentido, já que por esse preço dá para encontrar aparelhos bem melhores, como o próprio Moto One Vision que custa pouca coisa mais que isso.

Porém, como sempre acontece no mercado nacional, o preço sugerido não serve de referência, e ele já é encontrado na faixa dos R$ 800, e descendo um pouco mais pode ser uma boa opção para quem está buscando um celular com qualidade suficiente, mas não quer gastar muito.

O Moto G8 Play entrega uma experiência satisfatória em um aparelho básico para quem não quer gastar muito, mas precisa de um preço mais competitivo para valer a compra

 

User img

Diego Kerber

Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego colabora com a Adrenaline na produção de notícias e artigos na coluna "Vida Digital".

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.

Mi 10 Vs. Mi Note 10: quais as diferenças entre os dois smartphones da Xiaomi?

Mi 10 Vs. Mi Note 10: quais as diferenças entre os dois smartphones da Xiaomi?

Fizemos considerações sobre as principais características de cada um dos smartphones


Samsung Galaxy Note 20+ pode vir com Snapdragon 865+, indica rumor

Samsung Galaxy Note 20+ pode vir com Snapdragon 865+, indica rumor

Benchmark do celular no Geekbench mostra que ele virá com um processador de maior desempenho


YouTube começa a testar o Shorts, novo rival do TikTok

YouTube começa a testar o Shorts, novo rival do TikTok

A novidade começou a chegar para alguns usuários do aplicativo


Update de abril para o Galaxy S20 melhora as câmeras dos celulares

Update de abril para o Galaxy S20 melhora as câmeras dos celulares

Atualização está sendo distribuída internacionalmente e traz também melhorias de segurança


Rumores sobre o iPhone 9 revelam nome oficial, data de lançamento e mais - pode aparecer hoje!

Rumores sobre o iPhone 9 revelam nome oficial, data de lançamento e mais - pode aparecer hoje!

O novo aparelho da Apple seria uma versão atualizada do iPhone 8