FBI alerta sobre riscos de ataques hackers a smart TVs
Créditos: Yahoo News/ Reprodução

FBI alerta sobre riscos de ataques hackers a smart TVs

Aparelhos com câmeras e microfones são os mais “perigosos”

Em tempos de Black Friday e Cyber Monday, com vendas de smart TVs em alta, o FBI fez um alerta sobre as vulnerabilidades destes aparelhos e os possíveis riscos de ataques hackers.

O alerta do órgão federal americano é mais focado principalmente para os dispositivos que possuem câmeras e microfones, que abrem caminho para uma possível captação de conversas, ou gravação de imagens. Para o FBI, as fabricantes não colocam a segurança como prioridade.

Ataques contra smart TVs são raros, mas não são inéditos. Como destaca o site Techcrunch, o software dos fabricantes podem conter brechas. Além disso, não existe um padrão de regularidade nas atualizações de segurança, o que acaba tornando alguns dispositivos mais vulneráveis do que outros. No início deste ano, hackers mostraram que era possível invadir o Chromecast e transmitir vídeos aleatórios para milhares de vítimas.

a CIA também já desenvolveu secretamente planos de monitoramento de smart TVs

Vale lembrar que a CIA também já desenvolveu secretamente planos de monitoramento de smart TVs. De acordo com a revelação feita pelo WikiLeaks, os desenvolvedores do programa estavam interessados em permitir o streaming de áudio, capturas de vídeo e explorar a função de suporte remoto da Samsung.

18/07/2019 às 13:06
Notícia

Uma vulnerabilidade no Bluetooth pode entregar sua localizaçã...

Segundo estudo, pulseiras inteligentes são os alvos mais fáceis para um possível ataque

O Washington Post revelou no início deste ano que alguns dos mais populares fabricantes de TVs coletam informações sobre o que os usuários estão assistindo, a fim de ajudar os anunciantes a direcionar melhor os anúncios para seus espectadores e sugerir o que assistir a seguir, por exemplo. 

Continua após a publicidade

O FBI recomenda cobrir a câmera da smart TV com fita preta quando a mesma não estiver em uso, manter o dispositivo sempre atualizado ler as políticas de privacidade para entender melhor os objetivos do fabricante do seu aparelho.

Via: Techcrunch
User img

Gabriel Tagarro

Formado em jornalismo pela Universidade Castelo Branco, é apaixonado por games desde 1994, quando ganhou um Master System. Joga de tudo um pouco, seja no PC ou no console. Ama tecnologia e escreve com prazer sobre tudo que a envolve.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.