VP da Ford questiona comparativo entre F-150 e Cybertruck e provoca Elon Musk
Créditos: Engadget

VP da Ford questiona comparativo entre F-150 e Cybertruck e provoca Elon Musk

A acusação é de que a competição não seguiu critérios justos

Na semana passada acompanhamos a apresentação do Cybertruck da Tesla, um veículo elétrico com uma série de tecnologias e sobretudo bastante potente. Apesar de nem tudo nas demonstrações do carro terem saído como planejado, uma das demonstrações chamou bastante atenção, o veículo foi colocado para puxar uma caminhonete F-150 da Ford e conseguiu puxá-la sem problemas.

No Twitter, Sunny Madra, vice-presidente da Ford, compartilhou um artigo do site Motor1 e questiona a validade da disputa pedindo um Cybertruck para que a Ford possa fazer sua própria comparação de maneira justa.

Segundo o site Motor1, a comparação não foi justa por uma série de motivos. Para começar, o modelo de Cybertruck utilizado aparenta ser ao menos um de dois motores, que tem o preço inicial de U$49.000, já a F-150 do teste é custa no máximo U$30000. A F-150 também utiliza apenas tração traseira, o que acaba fazendo com que não consiga ter tanta força para se manter. Fora isso, nesse tipo de competição de cabo de força entre carros, além da potência do motor, o peso conta muito, o site faz a estimativa de que o Cybertruck chega a ser até 500kg mais pesado.

Não bastasse a F-150 ser mais leve, barata e significativamente mais fraca em potência, o veículo da Tesla deu largada primeiro, tendo vantagem competitiva. Dessa forma, o questionamento feito por Sunny Madra faz sentido e seria realmente interessante ver um competição em que a Ford pudesse escolher um veículo da mesma faixa de preço para competir com o Cybertruck, dessa forma o cabo de guerra poderia ser realmente justo.

De toda a forma, reforçando sua postura de bilionário confiante, Musk respondeu ao tuíte do vice-presidente da Tesla dizendo "bring on it", uma expressão que mostra que não está intimidado e que toparia uma disputa.

Fonte: Motor1

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.