Elon Musk explica por que o vidro do Cybertruck quebrou na apresentação
Créditos: Frederic J. Brown/AFP via Getty Images

Elon Musk explica por que o vidro do Cybertruck quebrou na apresentação

Testaram a resistência da janela antes de o veículo subir ao palco

A Tesla revelou o Cybetruck na semana passada, um carro elétrico que surpreendeu em muito não só pelo seu design futurístico e diferentão, mas também por suas tecnologias. Uma das promessas do veículo é ter vidros altamente resistentes, algo que foi testado durante a apresentação pelo líder de design Franz von Holzhausen e falhou miseravelmente. Agora, Elon Musk explica, via Twitter, o que deu errado.

Pouco antes de ir ao Twitter explicar o que podia ter acontecido de errado para o vidro quebrar, Musk falou à agência France Presse, ele disse que a equipe jogou chave inglesa, todo tipo de coisa, até mesmo uma máquina de lavar sem que fosse quebrado. "Por algum motivo, um pouco estranho, quebrou esta noite, não sei por quê", disse.

Mais tarde, no Twitter, o bilionário excêntrico comentou que o motivo para o vidro ter quebrado foram os testes em bastidores antes de o veículo entrar no palco. Testes de durabilidade foram feitos dando marretadas nas janelas e também jogando a bola de metal nos vidros antes da apresentação, algo que, segundo conta, acabou quebrando a base do vidro.

Musk publicou um vídeo demonstrando os testes feitos com o vidro super resistente antes da apresentação, a captura mostra o que deveria ter acontecido na frente das câmeras, a bola de metal batendo sem causar estragos e voltando.

Continua após a publicidade

Ainda assim, o carro ganhou destaque internacional, virou meme e garantiu bilhões em vendas, já totalizam U$7,5 bilhões. A versão padrão do Cybertruck, que tem um motor, custa U$39900 (~R$ 167 mil), com uma autonomia aproximada de 400km, podendo atingir até 96km/h em apenas 6,5 segundos. Há ainda um segundo modelo, esse com dois motores, o preço é mais salgado U$49000 (~R$205.635), capaz de atingir 96km/h em 4,5 segundos e rodar até 482km em uma recarga.

Via: The Verge Fonte: Elon Musk (Twitter)
User img

Neri Neto

O universo geek faz parte do dia a dia, da vida, deste jornalista. Formado pela Universidade Federal de Santa Catarina, Neri Neto é responsável por conteúdos diversos no Mundo Conectado. Ele adora tecnologia, cinema, games e descobriu ainda na infância que a linguagem dos vídeos seria perfeita para falar de tudo que ama. Neri também fala bastante em terceira pessoa, gosta de descontrair e está sempre nas redes sociais.

Hands-on do Moto G60: câmera de 108MP, tela de 120Hz e bateria de 6.000 mAh são os destaques

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.