Co-Fundador do WhatsApp, Brian Acton sugere que você delete seu Facebook
Créditos: Wired

Co-Fundador do WhatsApp, Brian Acton sugere que você delete seu Facebook

Para ele, rede social só é recomendada para quem quer ter propagandas "jogadas na sua frente"

O co-fundador do WhatsApp, Brian Acton, declarou que recomenda que os usuários deletem sua conta no Facebook, rede social que comprou o aplicativo de mensagens em 2014. Durante uma conferência no evento de 25 anos da revista de tecnologia Wired, ele promoveu a polêmica declaração e ainda disse que a rede de Mark Zuckerberg só é recomendada para quem quer ter "propagandas jogadas na sua frente".

06/11/2019 às 13:45
Notícia

Atualização do WhatsApp introduz novos controles de privacida...

Agora é possível limitar quem pode adicionar você a chats em grupo

Essa não é a primeira vez que Acton defende sua posição em relação ao Facebook. Em 2018, depois que foram revelados os escândalos da Cambridge Analytica, o co-fundador do Whatsapp fez uma publicação em sua conta oficial no Twitter dizendo "Chegou a hora #DeleteFacebook".

Na época em que o tuíte foi postado, Brian Acton já estava fora do WhatsApp há quatro meses. Ele deixou sua posição no aplicativo de mensagens em 2017, quando confrontou Mark Zuckerberg sobre a monetização do WhatsApp. Na ocasião, ele deixou de levar milhões em termos de ações não investidas e se tornou um grande crítico do Facebook

De acordo com o site The Verge, o jornalista Steven Levy perguntou a Acton porque ele decidiu levar o seus sentimentos a público. Em resposta a isso, o co-fundador do WhatsApp disse que ele sentiu que, na época do seu primeiro comentário, existia uma pressão pública contra o Facebook. Foi então que ele percebeu que era hora de tomar uma posição.

Depois de sair do Facebook, Acton se tornou co-fundador da Signal Foundation, uma organização sem fins lucrativos que está por trás de um aplicativo de mensagens criptografado que é usado por jornalistas e defensores dos direitos humanos em todo o mundo.

Continua após a publicidade
Via: The Verge
User img

Carlos Felipe

Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou parao PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.