NASA exibe avião elétrico experimental Maxwell X-57
Créditos: NASA

NASA exibe avião elétrico experimental Maxwell X-57

Agência espacial dos EUA exibiu versão inicial da aeronave junto de novo simulador

A NASA revelou o seu novo avião elétrico experimental Maxwell X-57, que foi apresentado através de um protótipo físico inicial, junto de um novo simulador que irá permitir aos pilotos vivenciarem a experiência de controlar a novidade. A versão que foi exibida está localizada no centro de pesquisa Armstrong Flight Research Center da agência espacial dos EUA, que fica na cidade de Edwards, no estado da Califórnia.

08/11/2019 às 12:21
Notícia

Cientistas desenvolvem novas baterias para armazenamento de e...

Novas baterias usam membranas de AquaPIM

Esse modelo é o primeiro de três configurações diferentes que serão produzidas, ficando conhecido como Modification II (ou Mod II). A versão exibida do Maxwell X-57 substitui o seu motor a combustão tradicional por motores de cruzeiro elétricos, que são mais silenciosos e eficientes — além de serem mais sustentáveis.

Site oficial: NASA Maxwell X-57

O Maxwell X-57 Mod II possui 14 motores elétricos impulsionados por baterias de íons de lítio. De acordo com o gerente de projetos da NASA, Brent Cobleigh, a agência do governo dos EUA está buscando criar algo que irá ajudar toda a indústria, e não apenas uma única companhia. O objetivo da equipe envolvida no projeto é de conseguir colocar o avião elétrico no ar até o final de 2020.

A expectativa é de que, no futuro, serão lançadas novas iterações da aeronave, que se chamarão Mods III e Mods IV. As novas fases de desenvolvimento do Maxwell X-57 já estão em testes e deverão trazer componentes mais ousados, como asas mais largas e de proporções incomuns.

Segundo o site Digital Trends, o objetivo da equipe da NASA é criar uma tecnologia inovadora que seja adotada por um grande número de fabricantes de aviões comerciais. Com isso, seria possível tornar a indústria da aviação mais sustentável e eficiente.

No momento, o grande desafio do Maxwell X-57 é a capacidade das suas baterias, que no momento são suficientes apenas para voos curtos. Mesmo assim, a promessa da NASA é de que os seus motores elétricos são mais compactos, mais silenciosos, mais leves e mais fáceis de manter do que motores tradicionais.

Via: Digital Trends

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.

Galaxy Fold tem todas as unidades vendidas no Brasil nas primeiras 24 horas

Galaxy Fold tem todas as unidades vendidas no Brasil nas primeiras 24 horas

O dispositivo é o primeiro smartphone dobrável vendido no Brasil pelo preço de R$12.999


Google ajuda Janelia Research Campus em novo marco no mapeamento de neurônios

Google ajuda Janelia Research Campus em novo marco no mapeamento de neurônios

Modelo com 25.000 neurônios de uma mosca é o maior e mais completo já feito


Amazon entra na justiça para pausar negociações do acordo JEDI com a Microsoft

Amazon entra na justiça para pausar negociações do acordo JEDI com a Microsoft

A empresa afirma que a escolha foi baseada em interferência política e favoritismo


Toyota faz investimento milionário em empresa de táxi aéreo Joby

Toyota faz investimento milionário em empresa de táxi aéreo Joby

Foram investidos U$394 milhões para garantir a fabricação de táxis aéreos elétricos


Engenheiro cria super câmera que pode tirar fotos até de neurônios funcionando

Engenheiro cria super câmera que pode tirar fotos até de neurônios funcionando

Dispositivo também consegue capturar imagem de objetos transparentes