Huawei lança fones de ouvido sem fio FreeBuds Lite no Brasil por R$ 799
Créditos: Huawei

Huawei lança fones de ouvido sem fio FreeBuds Lite no Brasil por R$ 799

Produto tem 3 horas de autonomia e pode ser carregado por mais 9 horas com sua caixinha

A Huawei anunciou o lançamento do seu fone de ouvido totalmente sem fios (True Wireless) FreeBuds Lite no Brasil pelo preço sugerido de R$ 799. O produto vem com autonomia de três horas para os dois fones e ainda pode ser recarregado por mais 9h através de sua caixinha.

05/11/2019 às 14:44
Notícia

Apple pode estar desenvolvendo óculos de realidade aumentada ...

O dispositivo deve ser comercializado como um acessório dos próximos iPhones

De acordo com a empresa, os fones de ouvido são capazes de funcionar por até 90 minutos sem parar após apenas 15 minutos de carga. Os porta-vozes da fabricante ainda dizem que os fones foram programados para funcionar com alternância e independência. Com isso, as chamadas telefônicas ficam em apenas um ouvido, ao mesmo tempo em que o fone processa o barulho de fundo para reduzir os ruídos.

Site oficial: Huawei FreeBuds Lite

Os Huawei FreeBuds Lite possuem sensores de infravermelho embutidos, que servem para detectar automaticamente que o usuário os colocou nos ouvidos e então começar a reproduzir o conteúdo. Assim que eles são removidos das orelhas, eles param a reprodução.

Fonte: Huawei

A fabricante chinesa ainda promete que o produto oferece conexão rápida e estável com o smartphone do usuário através da tecnologia Bluetooth 4.2. Ela opera a um raio de até 10 metros do aparelho que está reproduzindo o conteúdo.

Continua após a publicidade

Os fones de ouvido Huawei FreeBuds Lite são compatíveis tanto com dispositivos com sistema operacional iOS quanto Android. Eles têm uma estrutura resistente à água e ao suor com certificação IPX4 — o que faz com que eles sejam indicados para treinos mais intensos ou embaixo de chuva.

 
Fonte: Huawei

User img

Carlos Felipe

Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou parao PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.