Pesquisadores desenvolvem bateria que consegue carregar um caro elétrico em 10 minutos
Créditos: Phys | Verdesobrerodas

Pesquisadores desenvolvem bateria que consegue carregar um caro elétrico em 10 minutos

Os modelos mais atuais do mercado precisam, em média, de 30 minutos para ter carga parcial

Pesquisadores da Universidade Estadual da Pensilvânia afirmam que desenvolveram um novo tipo de bateria que consegue carregar um carro elétrico em 10 minutos e dar até 200 quilômetros de autonomia para o veículo nesse tempo. Para comparar, os veículos elétricos Tesla mais atuais precisam, em média, de 30 minutos para uma carga parcial.

25/10/2019 às 16:12
Notícia

Elon Musk avalia que Tesla pode lucrar mais com energia do qu...

CEO da firma diz ter certeza que divisão da empresa terá o mesmo tamanho que sua área de carros elétr...

Uma taxa de carregamento tão rápida só seria possível com uma bateria capaz de absorver 400 quilowatts de energia rapidamente. As baterias existentes no mercado hoje em dia não conseguem receber isso sem comprometer drasticamente a sua vida útil, pois o revestimento de lítio seria colocado em risco.

"[O carregamento rápido] é uma das coisas necessárias para eles [os veículos elétricos] competirem com os motores de combustão interna movidos a petróleo." - Rick Sachleben, membro da American Chemical Society.


Para contornar essa situação, os pesquisadores aumentaram a temperatura da sua bateria experimental até 60 graus celsius durante o ciclo de carga e depois  a abaixaram novamente à medida que eram usadas. Isso "limita a exposição da bateria à temperatura de carga elevada, gerando assim uma vida útil muito longa", explica Chao-Yang Wang, autor sênior da pesquisa e engenheiro mecânico da Universidade Estadual da Pensilvânia.

Apesar disso, Rick Sachleben também diz que colocar essa nova solução no mercado pode demorar uma década. Como é muita energia sendo descarregada muito rápido, é preciso ter cuidado para entregar um processo estável e seguro aos usuários a fim de evitar acidentes.

Via: Phys
Novos drivers Nvidia Studio RTX aceleram Blender em 4 vezes

Novos drivers Nvidia Studio RTX aceleram Blender em 4 vezes

Além de Autodesk e Maya, outros apps também são beneficiados


Drone marítimo da Saildrone é movido a energia solar e ajuda a estudar oceanos

Drone marítimo da Saildrone é movido a energia solar e ajuda a estudar oceanos

Embarcação já chegou a navegar por 196 dias seguidos coletando dados na Antártica


Redmi Note 7S explode mas Xiaomi rebate dizendo que usuário forjou situação

Redmi Note 7S explode mas Xiaomi rebate dizendo que usuário forjou situação

Fato ocorreu com um cliente indiano que comprou o dispositivo na loja Flipkart


Drone pode ser lançado como bala de canhão para decolar

Drone pode ser lançado como bala de canhão para decolar

Aeronave tem hélices dobráveis e uma aerodinâmica propícia para o lançamento


Super Charge Turbo de 100W da Xiaomi chega aos smartphones em 2020

Super Charge Turbo de 100W da Xiaomi chega aos smartphones em 2020

Tecnologia promete recarregar uma bateria de 4000mAh em apenas 17 minutos