Multilaser lança nova linha de smartphones Multilaser G com processadores Unisoc
Créditos: Multilaser

Multilaser lança nova linha de smartphones Multilaser G com processadores Unisoc

Três novos modelos tentam trazer recursos avançados por preços competitivos

A Multilaser anunciou nessa semana o lançamento de três novos modelos de smartphones, a família Multilaser G. Os aparelhos têm foco no custo x benefício, como costuma acontecer com os produtos da marca, trazendo o mesmo processador de oito núcleos da Unisoc nos três modelos: o Multilaser G, o Multilaser G Max e o Multilaser G Pro.

A presença do mesmo processador nas três opções significa que toda a família entrega desbloqueio facial, além do tradicional sensor de digitais. A Multilaser destaca também a função "Embelezamento" para as selfies e o sistema Android 9.0 presente nos três celulares.

O Multilaser G, modelo mais acessível, traz uma tela IPS de 5,5'' com resolução HD+. As câmeras contam com 5MP, tanto a traseira como a frontal. Na parte de memórias temos 16GB de armazenamento e apenas 1GB de RAM. A bateria oferece uma capacidade total de 2.700 mAh.

Num "degrau" acima está o Multilaser G Max. A tela aumenta para 6'' e a bateria aproveita o espaço extra, indo para 3.000mAh. O aparelho oferece mais armazenamento também, vindo com 32GB.

No topo da família está o Multilaser G Pro, como seria de se esperar. A tela é um pouco maior que a do Max, com 6,1'' e design com notch. As outras especificações também são melhoradas, com a memória RAM finalmente alcançando os 2GB e bateria chegando a 4.000 mAh. Para as fotos, o modelo oferece um conjunto duplo de câmeras traseiras, com 13MP e 2MP.

Os aparelhos podem não chamar a atenção pelas suas especificações, mas a empresa está mirando realmente no preço. O Multilaser G está disponível no site oficial por R$ 649, enquanto o Multilaser G Pro pode ser comprado por R$ 849. O Multilaser G Max ainda não aparece no site oficial.

User img

João Gabriel Nogueira

João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline e o Mundo Conectado, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.